Com o regresso à normalidade possível, o SAPO Mag continua a desafiar várias caras conhecidas a fazer uma lista de filmes, séries, discos ou livros para ocupar os tempos livres. Esta semana, foi Tiago Alves a aceitar o desafio.

Jornalista, divulgador de cinema, realizador de rádio na Antena 1, programador do Cinemax Curtas na RTP-2 e curador de uma das cidades Shortcutz, durante a pandemia viveu dentro da cerca sanitária de Ovar, programou cinema online e idealizou novas narrativas de rádio.

AS ESCOLHAS DE TIAGO ALVES

Surdina

Tiago Alves: “Durante o verão o cinema português vai regressar à sala com várias propostas interessantes. 'Surdina' é o novo filme de Rodrigo Areias, com António Durães e Ana Bustorff, a partir de um argumento de valter hugo mãe. Não é o filme habitual do Rodrigo, mas ele é irrequieto, nunca faz filmes habituais! É uma comédia sensível e terna sobre o envelhecimento, muito oportuno, sobretudo quando sentimos, durante esta pandemia, que os velhos estão a ser sujeitos a uma espécie de 'darwinismo' social”.

Onde: Estreia nas salas de cinema a 9 de julho. O filme decorre num cenário rural, onde um velho homem recebe notícia de que a falecida esposa foi vista a fazer compras na feira e terá de reaprender a não dar ouvidos ao povo e a reiniciar a sua vida. Segundo a sinopse oficial, “é uma história da delicadeza de se ser velho, do que resta ainda para sonhar e para amar quando a idade avança significativamente e o corpo se enfraquece. Num Portugal antigo e recôndito, que afinal existe, apesar de tudo quanto façamos para nos modernizarmos."

DA 5 BLOODS: IRMÃOS DE ARMAS

Tiago Alves: "Não podia ser uma estreia mais oportuna. Em plena pandemia racial, o novo filme de Spike Lee é um objeto atual que mostra como o arco histórico da intolerância é extremamente longo. 'Da 5 Bloods: Irmãos de Armas' é o filme mais urgente, pertinente e obrigatório do ano. Só é pena não termos oportunidade de o ver numa sala de cinema...”

Onde: Disponível na Netflix, o novo filme de Spike Lee apresenta a história de quatro veteranos afro-americanos da guerra do Vietname que regressam ao país asiático mais de quatro décadas após o fim do conflito em busca do comandante morto em combate e de um tesouro que por lá ficou. Com Delroy Lindo, Clarke Peters, Norm Lewis, Isiah Whitlock Jr. e Chadwick Boseman.

SHORTCUTZ OVAR

Tiago Alves: “O Shortcutz Ovar rompeu a cerca sanitária programando a terceira temporada 2019 em nove sessões online entre abril e junho. Assim que as condições melhoraram, a programação 2020 foi retomada em sala. A 18 de junho aconteceu a sessão de reabertura da temporada 2020 que foi o primeiro evento cultural com público na cidade de Ovar após a cerca. As próximas sessões serão a 2, 16 e 30 de julho”.

Onde: Com o objetivo de promover e apoiar talentos do mundo do cinema, o Shortcutz é uma iniciativa implantada em diversas cidades do mundo, sendo Portugal o país com mais locais a acolher o evento. Sempre com entrada gratuita, cada sessão consiste na exibição de três curtas-metragens, apresentadas por membros da sua equipa criativa e promovendo a interação entre profissionais e o público, com a existência de uma competição que amplia a projeção nacional e internacional dos trabalhos propostos. Em Ovar, o Shortcutz está atualmente a realizar-se na Escola de Artes e Ofícios.

SHORT AGE

Tiago Alves: “A programação mais independente e alternativa do Shortcutz está disponível numa plataforma de curtas-metragens com acesso gratuito. A equipa da cidade Viseu desenvolveu esta plataforma onde é possível ver dezenas de curtas-metragens. Obrigatório para os adeptos do cinema em suporte digital e streaming”.

Onde: Os filmes podem ser acedidos na plataforma short/age, um projecto integrado no Shortcutz, para tornar mais acessível o cinema de curta-metragem nacional.

ESPERO-TE BEM - GERADOR

Tiago Alves: "A plataforma Gerador questiona de diversas formas como se faz cultura hoje. Durante a pandemia desenvolveu a obra performática “Espero-te Bem”, escrita por Tiago R. Santos e com direção artística da atriz Carla Chambel que também interpreta uma das quatro personagens de um peça pensada de raiz para uma plataforma digital de comunicação. Uma oportunidade rara de ver a Carla em palco, ainda que seja virtualmente. Estreia 19 de junho, mas esperamos que surjam novas datas. É uma oportunidade para conhecer o dinamismo do Gerador”.

Onde: A 19 de junho, pelas 20h30, na plataforma Gerador. A peça envolve a interação entre quatro indivíduos durante a Grande Crise de Saúde Pública de 2020, interpretados por Pedro Laginha, Heitor Lourenço, Mar Pacheco e Carla Chambel, que também encena.

UM MUNDO MELHOR

Tiago Alves: "Durante a pandemia criei um novo projeto rádio que desenvolvo em co-autoria com a autora de histórias Ana Rita Ramos. 'O Mundo Melhor' vai registando para memória futura os exemplos de quem pensou e agiu de forma diferente procurando encontrar soluções novas e muito inspiradoras. Estas crónicas são o registo para memória futura do que de melhor aconteceu e acontece em plena crise sanitária e financeira de 2020. Quem sabe se estes exemplos podem inspirar outros? Já contamos mais 60 histórias e será bom sinal se continuarmos. Pode ser ouvido diariamente na Antena 1 (8h50,17h50, 21h45), e, semanalmente, ao sábado (17h10), numa versão com play list inspirada pelas histórias. Todos os episódios estão disponíveis em podcast”.

Onde: Todos os episódios estão disponíveis em Podcast na plataforma RTP Play.

#EUFICOEMPORTUGAL

Tiago Alves: "Para onde vai de férias? Nos próximos meses irão surgir diversas campanhas promovendo destinos em Portugal. No meu próximo projeto rádio vou partilhar um amplo roteiro percorrido por 45 cronistas de viagens da ABVP, Associação de Bloggers de Viagens Portugueses. Eles estão a descobrir e explorar destinos de baixa densidade populacional em Portugal. Pode ser ouvido durante os meses de julho, agosto e setembro na Antena 1. Ainda a tempo de planear as viagens de verão! Boas férias!"

Onde: Sem fins lucrativos, a ABVP assume por missão “promover o desenvolvimento profissional dos bloggers que atuam no segmento de turismo, ao mesmo tempo que estimula a criação de relações éticas e transparentes com os leitores e com eventuais parceiros ligados ao turismo”. Pode saber mais sobre eles no respetivo site.

AVANCA

Tiago Alves: "Este é o momento de desconfinar o cinema. O primeiro festival a acontecer depois do período agudo da crise sanitária vivida em Portugal é o 24º Festival de Cinema de Avanca. Acontece num local rural a meio caminho entre as cidades de Estarreja e Ovar. Entre 22 e 26 de julho reiventa o prazer de ver cinema em drive-in."

Onde: A 24ª edição do Festival de Cinema de Avanca decorre entre 22 e 26 de julho e deverá integrar, como habitualmente, alguma da melhor da produção cinematográfica, televisiva, de vídeo e multimédia contemporânea dos cinco continentes, bem como debates, conferencias e workshops, num modelo atualizado ao contexto atual de pandemia, que inclui já sessões de cinema drive-in.

FEST

Tiago Alves: “Foi adiado mas acontece em pleno verão, entre 2 e 9 de agosto, sob o lema 'As Close as far away can be'. O festival que estimula o contacto entre profissionais de cinema não irá promover os habituais encontros presenciais no Training Ground, Director’s Hub e Industry Meetings, que foram adiados para 2021, mas manterá o Pitching Fórum em formato 'streaming'. A grande novidade serão as sessões drive-in em Espinho e extensões da programação às cidades de Lisboa e Porto."

Onde: A 16ª edição do FEST - Festival Novos Realizadores | Novo Cinema decorre, como habitualmente, no Centro Multimeios de Espinho, mas inaugurará um espaço de cinema drive-in na mesma cidade, estando previstas extensão para Lisboa e Porto.

O MUNDO SEM NÓS

Tiago Alves: “Desde 2007 que não paro de voltar a este livro de caráter científico que projeta os acontecimentos e mudanças que ocorreriam se os seres humanos desaparecessem da Terra. O norte-americano Alan Weisman pormenoriza como os habitats se renovariam e outras espécies prosperariam. A nossa pegada seria progressivamente apagada. Assustador! Sobretudo em plena pandemia, porque permite concluir que a Terra dispensa a nossa presença...”

Onde: Editado em Portugal pela Estrela Polar, o livro “O Mundo sem Nós”, de Alan Weisman, foi editado nos EUA em 2007 e rapidamente se tornou um best-seller, sendo considerado por várias publicações de referência, nomeadamente a “Time” e a “Entertainment Weekly”, como um dos melhores livros de não ficção daquele ano.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.