A acção do filme decorre no ano 690, com Lau como o detective do título que é resgatado ao exílio pela imperatriz Wu para resolver uma caso de misteriosos assassinatos.

Para tal, alia-se ao fogoso Comandante Bei e a um mestre dos disfarces conhecido como Ghost Doctor.

Tanto Dee como a Imperatriz são figuras verídicas (ela foi a única mulher que a China já teve como governante), embora a abordagem de Hark integre doses generosas de ficção, incluindo um possível romance entre ambas as personagens.

Tsui Hark, que tem na série «Once Upon a Time in China» a sua maior coroa de glória entre o público, é um dos cineastas mais respeitados de Hong Kong, e Andy Lau, que começou a carreira como cantor de sucesso, tornou-se, a partir dos anos 90, num actor de imensa produção e sucesso comercial.

A rodagem de «Detective Dee and the Mystery of the Phantom Flame» deverá ter início em Maio, para estrear na Ásia em 2010.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.