Ridley Scott vai ser homenageado com o "Bafta Fellowship", a maior distinção do cinema britânico, durante a cerimónia no Royal Albert Hall de Londres a 18 de fevereiro.

A decisão não podia ter um "timing" mais certeiro pois surge menos de três meses após o realizador de 80 anos fazer uma das jogadas mais ousadas de toda a carreira: substituir Kevin Spacey, envolvido em escândalos sexuais, por Christopher Plummer como J. Paul Getty, magnata do petróleo, a seis semanas da chegada aos cinemas de "Todo o Dinheiro do Mundo".

Já com o filme completamente terminado, fazendo jus à sua famosa rapidez, refilmou tudo em vários países em nove dias e cumpriu a data de estreia: 25 de dezembro. Christopher Plummer está nomeado para os Óscares.

Ridley Scott foi ainda o responsável por vários filmes aclamados nos últimos 40 anos, a começar desde logo pelo primeiro, "O Duelo" (1977), e continuando com "Alien - O 8.º Passageiro" (1979), "Blade Runner: Perigo Iminente" (1982), "Thelma e Louise" (1991), "Gladiador" (2000), "Cercados" (2001), "Gangster Americano" (2007), "O Corpo da Mentira" (2008), "O Conselheiro" (2013) e "Perdido em Marte" (2015).

"É uma honra ter conseguido fazer uma carreira nesta indústria e ser homenageado pelo conjunto do meu trabalho é realmente muito gratificante", disse ao aceitar a honra.

Por seu lado, Amanda Berry, falando em nome dos BAFTA, recordou que Scott "é um realizador visionário, um dos grande cineastas britânicos cujo trabalho deixou uma marca indelével na história do cinema. A sua paixão e busca implacável pela excelência deram aos espectadores uma gama tentadora de filmes [...] 40 anos após a sua estreia como realizador, os seus filmes continuam a passar os limites do estilo e género, cativando as audiências e inspirando a próxima geração de talentos de cinema".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.