Apenas dois dos 16 realizadores nos filmes da Marvel que já chegaram aos cinemas eram europeus: Kenneth Branagh ("Thor"), que é inglês (e "tecnicamente" mais próximo de Hollywood do que os seus colegas do outro lado do Canal da Mancha) e o francês Louis Leterrier ("O Incrível Hulk"), que mais tarde se queixou que o estúdio tinha uma data de estreia antes de o argumento estar pronto e compensou isso com o excesso de efeitos especiais.

Nada disto será uma surpresa para o também francês Xavier Gens, que revelou ao jornal Le Point que chegou a ter conversas com a Marvel mas desistiu ao perceber as limitações colocadas pelo estúdio.

O realizador de "Fronteira(s)", um muito elogiado filme de terror de 2007, e de vários episódios da recente e aclamada minissérie "Gangs of London", diz que se apercebeu que as antevisões dos efeitos digitais e cenas de ação são feitas à parte por empresas em Londres e ele "apenas estaria ali para tomar conta da direção de atores. Isso não é muito interessante".

"Acredito que foi por isso que o Edgard Wright desistiu do 'Homem-Formiga', porque a certa altura nestas produções, fica-se reduzido a dirigir apenas campos e contracampos com os atores à frente de um fundo verde" [para a inserção posterior dos efeitos digitais], especulou.

"Dirigir um filme da Marvel pode ser um grande cartão de visita, mas nem sequer tenho a certeza que sejam recordados os nomes dos realizadores do 'Capitão Marvel'... já tive uma experiência catastrófica com um estúdio, 'Hitman - Agente 47' [uma adaptação do videojogo de 2007 com Timothy Olyphant e Olga Kurylenko], e não quero voltar a passar por isso, principalmente aos 45 [anos]", reforçou.

Em declarações posteriores à publicação especializada The Playlist, Xavier Gens expandiu as ideias sobre a função dos realizadores nos filmes da Marvel e o contraste com a realidade a que está habituado.

"Enquanto realizadores que vivem na Europa, estamos à frente de todo o processo do filme. Acredito que é por isso que a maioria dos realizadores europeus recusa os filmes de estúdio dos EUA. [...] Na Europa, somos responsáveis pelo filme do princípio ao fim", resumiu.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.