A oitava edição do
FEST – Festival Internacional de Cinema Jovem de Espinho é a maior de sempre e o cartaz pode justificar o crescimento do certame, tal como explicou ao SAPO o diretor do FEST,
Filipe Pereira.

Eduardo Serra, diretor de fotografia de filmes como
«Rapariga com Brinco de Pérola» ou
«Harry Potter e os Talismãs da Morte», o veterano dos efeitos especiais
Colin Arthur (
«2001: Odisseia no Espaço») e o oscarizado
David Macmillan são alguns dos orientadores de workshops que decorrem no Centro Multimeios de Espinho até domingo.

Além do
Training Ground, conjunto de workshops e master classes, o festival conta também com uma competição de curtas-metragens para realizadores até aos 30 anos de idade.

«Daqui a dois ou três anos, estes vão ser os grandes realizadores», disse
Tiago Pereira, destacado que alguns cineastas começam a sua carreira no FEST. A maior parte dos participantes é estudante ou tem formação em cinema e audiovisual.

A troca de experiências entre profissionais do meio é uma das mais-valias do festival. «Aqui podes ver coisas que nunca vais aprender na escola de cinema», contou
Randy Liekens, que veio da Bélgica pela segunda vez para participar no certame.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.