Uma noite, Isaac, jovem fotógrafo e hóspede da pensão de Dona Rosa na Régua, é chamado com urgência por uma família abastada, para tirar o último retrato da filha, Angélica, uma jovem mulher que morreu logo após o casamento. Na casa, em luto, Isaac descobre Angélica e fica estupefacto com a sua beleza. Quando encosta o olho à lente a jovem parece voltar à vida, só para ele. Isaac apaixona-se instantaneamente por ela. A partir desse instante, Angélica irá assombrá-lo dia e noite, até à exaustão.

Manoel de Oliveira, de 102 anos, estará hoje presente na sessão, numa cerimónia em que dará nome à Sala 1 do Cinema São Jorge, que contará com a presença do presidente da câmara de Lisboa, António Costa.

O filme parte de um argumento que o cineasta escreveu em 1952 e tem como protagonistas alguns dos actores recorrentes da obra do cineasta, nomeadamente
Ricardo Trêpa,
Leonor Silveira e
Luís Miguel Cintra.

«O Estranho Caso de Angélica» é exibido hoje, 28 de Abril, pelas 19h00, no Cinema São Jorge, em Lisboa.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.