Nicolas Cage é um conhecido fã de comic books e os filmes de super-heróis também não lhe são estranhos.

Quando o site Collider lhe perguntou o que achava da colheita cinematográfica de super-heróis deste ano, as palavras foram elogiosas... para quase tudo.

'Achei "[Capitão América:] Guerra Civil" excelente. Achei "Batman v Superman" excelente. Achei que o Will Smith foi excelente no "Esquadrão Suicida". Acho que o género está em boa forma'.

Parece que o filme sobre os super-vilões recrutados para executar perigosas missões em troca de clemência que estreou em agosto não entrou na lista dos preferidos do ator.

No cinema, a relação de Nicolas Cage com os super-heróis não começou da melhor forma: foi com a rodagem de um teste para um filme que acabou por nunca ser feito, "Superman Lives", um projeto de Tim Burton com argumento de Kevin Smith em que iria interpretar o ressuscitado super-herói e chegou a adiantada fase de pré-produção em 1997 quando foi cancelado.

A sua contribuição principal acabou por ser como Johnny Blaze em dois filmes "Ghost Rider" de 2007 e 2011, que não estão exatamente entre os mais apreciados pelos fãs do género, muito menos pelos críticos. Além disso, foi também o Big Daddy no elegiado "Kick-Ass - O Novo Super-Herói", de 2010.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.