A cerimónia dos Óscares de 2021 deverá ser adiada e pode ser até oito semanas, avança a conceituada publicação especializada The Hollywood Reporter.

Há bastante tempo que a 93ª cerimónia estava marcada para 28 de fevereiro de 2021, mas a COVID-19 também atingiu profundamente toda a atividade da indústria cinematográfica: fechou cinemas, suspendeu rodagens e trabalho de pós-produção de filmes que deviam estar prontos até ao fim do ano e afetou o funcionamento de festivais de cinema que são grandes rampas de lançamento para possíveis candidatos às estatuetas.

Espera-se que a decisão seja tomada esta segunda-feira em nova conferência por Zoom do Conselho de Governadores, que representa os ramos da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, quatro dias após o encontro que anunciou várias alterações relacionadas com a diversidade.

Óscares mudam regras: Melhor Filme passa a ter sempre 10 nomeados
Óscares mudam regras: Melhor Filme passa a ter sempre 10 nomeados
Ver artigo

Os responsáveis da Academia podem esperar mais tempo antes de definir qual o formato da cerimónia, mas têm de reservar uma nova data no calendário do seu parceiro televisivo, o canal ABC.

Numa situação normal, só poderiam concorrer filmes lançados nos cinemas até 31 de dezembro, mas o The Hollywood Reporter adianta que o Conselho de 54 governadores não só deverá adiar até oito semanas, mas também estender esse período de elegibilidade.

Anteriormente, o Conselho de Governadores já tinha anunciado que poderão concorrer para 2021 filmes lançados digitalmente que já tivessem planeado uma estreia nos cinemas afetada pela pandemia.

A cerimónia dos Óscares foi adiada três vezes: após as inundações em Los Angeles em 1938; após o assassinato de Martin Luther King, Jr. em 1968; e após a tentativa de assassinato do Presidente Ronald Reagan em 1981.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.