O director da Cinemateca, João Bénard da Costa, de 73 anos, está ausente da instituição desde o começo de Janeiro por questões de saúde, pelo que o cargo será assumido interinamente por Pedro Mexia.

O jornal Público dá conta na edição de hoje que Bénard da Costa abandona a direcção da Cinemateca ao fim de 28 anos e que Pedro Mexia assumirá funções até à nomeação do sucessor.

À Lusa Pedro Mexia garantiu que "não há qualquer decisão sobre a saída definitiva do Dr. João Bénard da Costa", confirmando apenas a baixa médica do director da Cinemateca por razões de saúde.

Pedro Mexia, 36 anos, escritor e crítico de cinema, tomou posse como sub-director da Cinemateca em Abril de 2008.

João Bénard da Costa é director da Cinemateca desde 1991, mas estava ligado à instituição desde 1980 como subdirector.

Em 2005 atingiu o limite de idade (70 anos) imposto pelo Estatuto da Função Pública, mas Bénard da Costa foi reconduzido no cargo por um despacho conjunto da então ministra da Cultura, Isabel Pires de Lima, e pelo primeiro-ministro.

Na altura tinha sido lançado um abaixo-assinado para que Bénard da Costa permanecesse à frente da Cinemateca.

Em 2008, estalou uma polémica entre Bénard da Costa e Isabel Pires de Lima, com troca de acusações em artigos na imprensa, por causa da intenção de se criar um pólo da Cinemateca no Porto.

Licenciado em Ciências Histórico-Filosóficas, João Bénard da Costa foi um dos fundadores da revista O Tempo e o Modo, dirigiu o Sector de Cinema do Serviço de Belas-Artes da Fundação Calouste Gulbenkian e preside à Comissão Organizadora das Comemorações do Dia de Portugal.

Homem desde sempre ligado ao cinema, João Bénard da Costa dedica-se ainda à crítica e ao ensaio, tendo participado como actor em vários filmes, grande parte dos quais de Manoel de Oliveira.

Pelo trabalho à frente da Cinemateca, Bénard da Costa foi condecorado em Setembro passado pelo ministro da Cultura, José António Pinto Ribeiro com a medalha de mérito cultural.

Fonte: LUSA

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.