A banda é formada por Raquel Ralha (Wraygunn e Belle Chase Hotel), Toni Fortuna (D3o e Tédio Boys), Pedro Renato (Belle Chase Hotel) e Gonçalo Rui, e apresenta agora o seu primeiro álbum, depois de já lançado o single "Time".

O projeto musical de Coimbra surgiu a partir de Pedro Renato que, enquanto guitarrista dos Belle Chase Hotel, foi "recolhendo algumas músicas", que foram ficando "guardadas na gaveta", ao longo de 15 anos, para um dia fazer um disco mais pessoal. Depois de conversas com alguns amigos, achou que "era a altura ideal para compilar essas canções".

Com a junção de Raquel Ralha e Toni Fortuna, o projeto perdeu a sua componente pessoal, "encaminhando-se para outros lados", contou Pedro Renato.

Em Mancines surgem influências das bandas sonoras dos anos 1960 e 1970, com o próprio nome a surgir a partir de Henry Mancini, compositor mais conhecido pelos seus trabalhos para a sétima arte, como a banda sonora de "A Pantera Cor-de-Rosa", referiu Pedro Renato, admitindo ser fã da música feita para cinema, "sobretudo de compositores italianos".

No entanto, para além da referência a bandas sonoras, a "amálgama de géneros" que Pedro Renato ouve revela-se no álbum, estando também presentes "coisas de exótica ou easy listening", entre outros géneros.

O guitarrista do novo projeto musical disse ainda à agência Lusa que quer que os Mancines continuem, tendo já ideias para um próximo disco.

Os bilhetes para o concerto de apresentação do álbum custam dez euros.

@Lusa

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.