O espetáculo, explicou à Lusa fonte da produção, “explora as ligações musicais entre a rebetika, género musical grego, e o fado”.

O concerto conta com a participação de Carla Pires, Joana Amendoeira e Maria Ana Bobone, fadistas que participaram no álbum do músico “Onde sonho”, editado pela Ocarina, em dezembro passado.

O álbum reúne 13 temas, entre canções e composições instrumentais, num total de sete canções, maioritariamente de autores portugueses, e seis temas instrumentais, todos compostos por Alexandros Nathanail.

Além das três intérpretes, que atuam na quinta-feira no pequeno auditório do CCB, o CD inclui a participação de Ana Sofia Varela, Gisela João, Karenina Polemi e Hélder Moutinho.

“O concerto na quinta-feira é a concretização desta ponte musical entre o fado e a rebetika, géneros interligados também por composições de Alexandros Nathanail, que irá interpretar alguns temas”, disse a mesma fonte.

Na quinta-feira, além das participações portuguesas estão no palco os músicos gregos Bibi Selmani (acordeão), Konstantinos Koukoulinis (bouzouki e voz) e os portugueses Luís Guerreiro (guitarra portuguesa), Pedro Pinhal (viola) e Rodrigo Serrão (contrabaixo).

Alexandros Nathanail começou por ter aulas de guitarra clássica e, em seguida, estudou piano, teoria e harmonia musical, interessou-se pelo jazz, nomeadamente pelos compositores Thelonious Monk, Duke Ellington, Dizzy Gillespie, Art Tatum, Bill Evans e, em 2010, gravou o seu primeiro álbum, “Ícones”. Nathanail tem composto também para televisão.

O concerto em Lisboa de Alexandros Nathanail insere-se no programa cultural da Presidência grega da União Europeia, no âmbito da qual o pintor Christos Bokoros expõe pela primeira vez em Portugal. "No Caminho da Essência" é o título da exposição de Bokoros, que foi inaugurada em março passado nas Casas do Gandarinha-Centro Cultural de Cascais.

@Lusa

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.