Mário Laginha apresenta-se com o contrabaixista Bernardo Moreira e o guitarrista Miguel Amaral, com quem gravou o disco “Terra Seca”. No programa da mostra, Pedro Burmester sucede ao trio de Mário Laginha, com um recital, na quarta-feira.

A Mostra Portuguesa vai na 12.ª edição e decorre a partir de hoje no Centro Cultual Conde Duque, em Madrid, estendendo-se a outras cidades espanholas, como Barcelona, Santiago de Compostela, Vigo e Oviedo, com eventos de cinema, literatura, arquitetura e música.

Organizada pela embaixada de Portugal em Espanha, a Mostra dedica uma retrospetiva ao realizador Joaquim Pinto, em parceria com o Festival Márgenes, e vai ter uma exposição inédita do arquiteto Eduardo Souto de Moura na Fundação Arquitectura do Colegio Oficial de Arquitectos de Madrid (COAM).

A parceria da Mostra, com outras entidades e eventos espanhóis, fará com que, por exemplo, a Orquestra Jazz de Matosinhos atue no Festival de Jazz de Barcelona e as fadistas Aldina Duarte e Carla Pires atuem em Oviedo.

Em parceria com o Centro de Artes Alcobendas, a Mostra inaugura igualmente a exposição "Acervo: Artistas na Coleção Navacerrada", com obras de artistas portugueses como Ana Cardoso, Daniela Krtsch, João Penalva, Ricardo Angélico e Rodrigo Oliveira.

A Mostra prossegue até novembro, mas tem eventos que se prolongam até 2015, como a mostra que documenta o trajeto de Eduardo Souto Moura, que pode ser visitada até 15 de janeiro de 2015, na Fundação do COAM.

@Lusa

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.