O sucessor do muito aclamado “Babel” chama-se “Wilder Mind” e tem lançamento previsto para 4 de maio. Believe é o single de avanço e será enviado, de imediato, a quem encomendar o álbum, já em pré-venda no iTunes.

Gravado em Londres, entre os Air Studios e os Eastcote Studios, o disco – o terceiro da discografia da banda de Marcus Mumford – conta com a produção de James Ford, conhecido pelo seu trabalho com os Arctic Monkeys, Haim ou Florence and the Machine.

Em “Wilder Mind”, os instrumentos acústicos não terão tanto protagonismo como nos seus antecessores, conforme explicou Marcus, que fala “numa evolução, não numa despedida” do som do coletivo: “No final da digressão de promoção a Babel, tocávamos sempre canções novas durante os soundchecks, e nenhuma delas incluía o banjo. Nós não decidimos: ‘Sem instrumentos acústicos’. Mas acho que todos nós tínhamos o desejo de agitar as coisas”.

“A composição não mudou drasticamente; foi conduzida, sim, pelo desejo de não fazer a mesma coisa novamente. Mais, voltámos a apaixonar-nos pela bateria! É tão simples quanto isso”, explicou.

“Pareceu completamente natural, no entanto”, acrescentou Ben Lovett. “Como pareceu quando começámos. Se alguém estava a tocar guitarra elétrica, a bateria ia complementar da melhor forma; e, sonoramente, fez sentido, depois, adicionar um sintetizador ou um órgão. Escolhemos instrumentos que ficavam bem com os outros, em vez de, conscientemente, tentarem anular-se uns aos outros”.

Recorde-se que “Wilder Mind” vai ser apresentado nos palcos nacionais em julho, no NOS Alive’15, por onde a banda passa a 10 de julho.

Consulte o alinhamento de “Wilder Mind”:

01. Tompkins Square Park
02. Believe
03. The Wolf
04. Wilder Mind
05. Just Smoke
06. Monster
07. Snake Eyes
08. Broad-Shouldered Beasts
09. Cold Arms
10. Ditmas
11. Only Love
12. Hot Gates

Confira a capa de "Wilder Mind":

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.