Nem sempre a vontade popular é soberana, mas no caso de Frank Ocean, cumpriu-se o desejo do povo. O hype em volta do norte-americano que colaborou no projeto Odd Future era de tal ordem que a editora não resistiu à pressão e antecipou em mais de um mês a edição do álbum de estreia. Em boa hora o fez, já que “Channel ORANGE” é um dos mais inspirados e inspiradores discos de 2012 e uma viagem em primeira classe pela soul psicadélica, o r&b contemporâneo e a electrónica sentimental. Com voz arrebatadora e consciência social apurada, Frank Ocean é justamente considerado o homem do momento no universo musical, que chega a parecer demasiado pequeno para uma visão tão larga.

O talento das bandas de Nova Jérsia é muitas vezes ofuscado pelo brilho dos vizinhos de Nova Iorque, habituados à presença da imprensa especializada, produtores e um sem número de caça-talentos. Há, no entanto, artistas suburbanos que fazem música Capital na costa leste norte-americana e os Gaslight Anthem já colocaram o nome nesse lote restrito. O rock de guitarras nervosas e blusões de cabedal empedernidos pelas muitas histórias por contar continuam a fazer parte do cardápio, mas ao quarto álbum de originais há uma assinalável progressão. Em “Handwritten” assistimos à ascensão de uma banda de garagem para um quarteto com talento, vontade e competência para tomar de assalto qualquer estádio do mundo, provavelmente ao lado de Bruce Springsteen, referência óbvia para quem ouve o novo álbum.

A electro pop a dois é claramente a tendência da coleção primavera / verão de 2012 e quase todas as semanas chegam novas propostas dentro do género. “Shrines”, dos canadianos Purity Ring podia ser apenas mais uma nota de rodapé, mas é um dos capítulos mais interessantes do almanaque musical. Eletrónica hiperativa, desconcertante e sedutora para ouvir até à exaustão com o entusiasmo de quem vive um primeiro amor.

Destaque ainda para uma edição 2012 de “F*** Me, I’m Famous”, de David Guetta (uma espécie de artista talismã do Festival Sudoeste TMN), “Salão América”, d’Os Azeitonas e “Contrast” , a estreia de Conor Maynard, resposta britânica ao fenómeno Justin Bieber.

Nos singles, há “Theme For Velodrome” , dos Chemical Brothers (um dos temas oficiais dos Jogos Olímpicos de Londres) e novas músicas para os Band Of Horses, Calvin Harris, Diana Krall, The Killers e Two Door Cinema Club.

Estas e outras novidades para ouvir, guardar e partilhar no music box.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.