"Aconselho que oiçam este disco com tranquilidade porque as muitas imagens que a música nele contida sugere, como diria Maria Schneider (compositora, arranjadora e diretora de orquestra), tornam-se particularmente cinematográficas, permitindo-nos ver a música, para além de a ouvirmos", considera o crítico e produtor de jazz, Paulo Gil, citado em comunicado enviado pela promotora.

A "nova fase" da Reunion Big Jazz Band, um projeto do universo jazzístico para orquestra, é conduzida por Johannes Krieger, alemão a viver em Portugal, juntamente com Dan Hewson, também compositor e pianista da banda. As principais preocupações são a "a qualidade artística e a produção musical", destaca a promotora.

A Reunion Big Jazz Band foi formada em fevereiro de 2003 por três amigos admiradores do jazz - Fernando Soares (saxofone tenor), Manuel Lourenço (saxofone tenor e flauta) e Francisco Costa Reis (guitarra elétrica).

Algumas das peças incluídas no trabalho discográfico são "Ouija", de Johannes Krieger com solos de João Capinha (sax alto), Francisco Costa Reis (guitarra) e Rui Pereira (bateria); "Submerged", de Dan Hewson com solos de Dan Hewson (piano) João Capinha (sax soprano); e "Tchap Tchap Tchap", de Johannes Krieger com solos de Ricardo Pinto (trompete), Francisco Andrade (sax tenor) a Alexandre Alves (bateria).

A apresentação de "Ouija" vai ter lugar no Auditório do Institut Français du Portugal, em Lisboa, na sexta-feira, 19 de outubro, pelas 21:30. A entrada é paga e custa dez euros.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.