Com ilustrações de Danuta Wojciechowska, a narrativa acontece quando "o bater das asas era o único ponteiro do tempo" e a "chuva esqueceu-se de acontecer", provocando a seca do vale onde vivem as águias.

Numa escrita poética, Mia Couto conta o que fizeram as águias para vencer a sede e devolver a água ao vale e às montanhas, recorrendo à diversidade linguística e vocabular que caracteriza a obra do escritor.

"A mais velha das águias decidiu enfrentar aquela desgraça. Eis o que ela fez: Foi ao seu nome e devorou a letra i. De imediato, a palavra águia se converteu em água. E a ave bebeu daquela água", escreveu Mia Couto.

"A água e a águia" revela uma nova colaboração visual entre Mia Couto e a ilustradora Danuta Wojciechowska, depois de obras para a infância como "O beijo da palavrinha", que soma 12 edições, "O menino no sapatinho" e "O gato e o escuro", que já teve dez edições.

Mia Couto, nascido em Moçambique em 1955, tem publicada obra em poesia, conto, crónica e romance.

Prémio Camões em 2013, Mia Couro é autor, entre outros, de "Jesusalém", "O Último Voo do Flamingo", "Vozes Anoitecidas", "Estórias Abensonhadas", "Terra Sonâmbula", "A Varanda do Frangipani" e "A Confissão da Leoa".

Para os mais novos escreveu ainda "A Chuva Pasmada" ou "O Outro Pé da Sereia".

Danuta Wojciechowska, canadiana há muito radicada em Portugal, é autora e ilustradora de livros para a infância, quase todos com uma temática fortemente ligada à natureza, mas o trabalho visual estende-se também ao design gráfico.

Prémio Nacional de Ilustração 2003 e candidata ao Prémio Hans Christian Andersen, Danuta Wojciechowska já ilustrou obras de Ondjaki, José Eduardo Agualusa, Álvaro Magalhães, Alice Vieira, Lídia Jorge ou Luísa Ducla Soares.

Newsletter

Os melhores filmes, as séries mais populares e a música que tem mesmo de ouvir. Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.