“Trata-se de um evento anual, com o intuito de apoiar uma instituição fundamental, para a qual todos os meios financeiros são bem-vindos”, disse o guitarrista, de 80 anos, que em julho atua na Sardenha.

Fadista, poeta e empresário, Helder Moutinho, com cerca de 25 anos de carreira, editou em maio de 2016 o álbum “O Manual do Coração”. O criador de “O Meu Coração Tem Dias” tem editados cinco álbuns, tendo-se estreado discograficamente com “Sete Fados e Alguns Cantos” (1999), seguindo-se “Luz de Lisboa” (2004), que lhe valeu um Prémio Amália para o Melhor Disco, em 2005, “Que Fado é Este que Trago” (2008) e “1987” (2013).

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.