No próximos dias 5, 6 e 7, a Exponor, em Matosinhos, recebe o maior festival de cultura pop. É a primeira vez que a Comic Con se realiza em Portugal e contará com a presença de figuras do mundo da BD, do cinema e da televisão.

$$gallery$$

Natalie Dormer ("Cressida" em The Hunger Games e "Margaery Tyrell" em "Game of Thrones"), Morena Baccarin ("Gotham"e "Homeland"), Paul Blackthorne ("Arrow") e Seth Gilliam ("Padre Gabriel" em "The Walking Dead") são as grandes atrações da primeira edição da Comic Con Portugal.

O cartaz conta também com nomes de figuras ligadas à banda desenhada, como Brian K. Vaughan (argumentista de SAGA, Lost e Under The Dome), Pia Guerra (ilustradora vencedora de Eisner Award) ou Marcos Martin (ilustrador da Marvel), entre outros.

Porém, o cartaz ainda não está totalmente fechado, podendo ser reveladas novidades até ao último dia, disse Paulo Rocha Cardoso, diretor geral, na conferência de apresentação à imprensa.

O diretor do evento confessou que, quando embarcaram nesta aventura, não estavam à espera deste cartaz. O coordenador assinala que não foi uma tarefa fácil completar o cartaz, visto que foi preciso pensar em "muitas variáveis". "Se fizéssemos a Comic Con em Nova Iorque, bastava ligar a três ou quatro amigos.  (...) Convencer os atores a vir cá foi difícil... só o Tom Riley aceitou vir em troca de vinho do Porto", brincou.

Sobre os convites, o diretor disse que Joe Reitman, correspondente em Los Angeles, foi uma ajuda importante. Joe Reitman, ator ("Supernatural", "CSI Miami") e realizador  ("The Late Late Show with Craig Ferguson"), esteve presente na conferência de imprensa que decorreu no Cine-Teatro Costantino Nery - e brincou dizendo que "o caché foi peixe, bacalhau".

A organização garantiu que nos próximos quatro anos continuará a realizar-se a Comic Con Portugal. "Não é um projeto de um ano, mas de cinco anos", disse Paulo Cardoso. "Alguns convidados já estão confirmados para 2015 e já está a ser planeada a segunda, a terceira, a quarta e a quinta edição em 2018, tudo no Porto", acrescentou.

"Fazer a Comic Con em Lisboa era muito mais fácil, pelo menos a nível de comunicação internacional", disse o diretor geral da organização. Questionado sobre a escolha do Porto e da Exponor, o diretor disse que a escolha foi bastante ponderada, tendo em conta a proximidade do aeroporto Francisco Sá-Carneiro (o que recebe mais voos low-cost) e com Espanha.

Nesta primeira edição são esperados 20 mil visitantes e haverá várias novidades em relação às Comic Con internacionais, como um espaço dedicados às crianças (Comic Con Kids) e ao mercado web.

Newsletter

Os melhores filmes, as séries mais populares e a música que tem mesmo de ouvir. Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.