Com atuações de artistas como Marc Anthony, Ricky Martin, Fito Páez, Anitta e José Luis Perales, Miami recebeu esta quinta-feira, dia 19 de novembro, os Grammys Latinos, numa cerimónia parcialmente online e que arrancou com J Balvin na frente da corrida.

Com 13 nomeações, J Balvin deixou escapar os prémios das principais categorias, enquanto Alejandro Sanz conquistou os galardões mais cobiçados da noite. O cantor espanhol venceu na categoria de Gravação do Ano com a canção "Contigo", derrotando, por exemplo, Anuel AA, Daddy Yankee, Karol G Featuring Ozuna & J Balvin, Pablo Alborán, Bad Bunny ou Karol G & Nicki Minaj.

O artista foi ainda o vencedor na categoria de Álbum do Ano, com o disco "Contigo".

O prémio de Melhor Canção em Língua Portuguesa foi para o tema "Abricó-de-macaco", de João Bosco. As canções "A Tal Canção Pra Lua (Microfonado)", de Vitor Kley & Samuel Rosa, "Amarelo (Sample: Sujeito De Sorte – Belchior)", de Emicida com Majur & Pabllo Vittar,  "Libertação", de Elza Soares & Baianasystem com Virgínia Rodrigues, e "Pardo", de Céu, também estavam nomeadas.

"René", de Residente, foi considerada a Melhor Canção do Ano.

Na cerimónia, o cantor colombiano Mike Bahía foi considerado o Melhor Artista Revelação do ano. Anuel AA, Rauw Alejandro, Cazzu, Conociendo Rusia, Soy Emilia, Kurt, Nicki Nicole, Nathy Peluso, Pitizion e Wos também estavam nomeados ao galardão que premeia os novos talentos da música latina.

Os nomeados portugueses

Os músicos Camané e Mário Laginha e a cantora Maria Mendes estavam nomeados, mas não conseguiram vencer categorias a que concorriam. A produtora portuguesa RedMojo  também estava na corrida e ficou de fora da lista de vencedores.

"Aqui Está-se Sossegado", de Camané e Mário Laginha, concorria para Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa. O disco de Mariana Aydar, "Veia Nordestina", acabou por ser o vencedor da noite - Mariene De Castro & Almério, Targino Gondim, do Grupo Ofa e de Margareth Menezes também estavam na corrida ao mesmo galardão.

Já a cantora de jazz Maria Mendes estava indicada para o Grammy Latino de Melhor Arranjo, com o tema "Asas Fechadas", de Amália Rodrigues, que gravou no álbum "Close to me" com John Beasley e a Metropole Orkest da Holanda, lançado em outubro de 2019.

O prémio acabou por ser entregue a "La Flor de la Canela", de Lorenzo Ferrero e da Afro-Peruvian Jazz Orchestra.

A produtora portuguesa RedMojo também estava nomeada na categoria Best Engineered Album com "Quimera", da cantora pop espanhola Alba Reche. O prémio acabou por ser entregue a "3:33" (Daniel Bitrán Arizpe, Daniel Dávila, Justin Moshkevich, George Noriega, Erick Roman, Paul Rubinstein & JC Vertti, Miles Comaskey, Najeeb Jones & Tony Maserati, Dale Becker e Debi Nova).

Esta edição marcou ainda estreia a categoria de Melhor Interpretação Reggaeton, assim como as de Melhor Canção Pop/Rock e Melhor Canção Rap/Hip-Hop.

A 21.ª entrega anual dos prémios da Academia Latina de Gravação foi apresentada pela atriz mexicana Yalitza Aparicio, juntamente com Carlos Rivera, Ana Brenda Contreras e Víctor Manuelle.

Antes do arranque da cerimónia, Bad Bunny, Rosalía, Fito Páez e Natalia Lafourcade levaram para casa os primeiros galardões.

Uma festa à distância

O evento principal decorreu em Miami, sem público e sem passadeira vermelho, devido à pandemia, e contou com atuações à distância, como as de Anitta, no Rio de Janeiro; José Luis Perales, em Madrid; Fito Páez, em Buenos Aires; e Bad Bunny, em San Juan.

Pitbull, Pedro Capó, Alejandro Fernández, Karol G, Ricardo Montaner, Kany García e Los Tigres del Norte também animaram a cerimónia.

No espetáculo em Miami, um grupo de médicos, enfermeiros e bombeiros participaram na performance do cubano-americano Pitbull para homenagear os esforços dos profissionais que atuam na linha de frente da pandemia.

Também foram homenageados o espanhol Julio Iglesias e o mexicano Pedro Infante.

CONHEÇA OS VENCEORES

Melhor Canção em Língua Portuguesa

A Tal Canção Pra Lua (Microfonado) – Vitor Kley & Samuel Rosa
Abricó-de-macaco – João Bosco (VENCEDOR)
Amarelo (Sample: Sujeito De Sorte – Belchior) – Emicida Featuring Majur & Pabllo Vittar
Libertação – Elza Soares & Baianasystem Featuring Virgínia Rodrigues
Pardo – Céu

Gravação do Ano

“China” — Anuel AA, Daddy Yankee, Karol G Featuring Ozuna & J Balvin
“Cuando Estés Aquí” — Pablo Alborán
“Vete” — Bad Bunny
“Solari Yacumenza” — Bajofondo Featuring Cuareim 1080
“Rojo” — J Balvin
“Tutu” — Camilo Featuring Pedro Capó
“Lo Que En Ti Veo” — Kany García & Nahuel Pennisi
“Tusa” — Karol G & Nicki Minaj
“René” — Residente
“Contigo” — Alejandro Sanz - VENCEDOR

Álbum do Ano

YHLQMDLG — Bad Bunny
Oasis — J Balvin & Bad Bunny
Colores — J Balvin
Por Primera Vez — Camilo
Mesa para Dos — Kany García
Aire (Versión Día) — Jesse & Joy
Un Canto Por México, Vol. 1 — Natalia Lafourcade - VENCEDOR
Pausa — Ricky Martin
La Conquista del Espacio — Fito Páez
Cumbiana — Carlos Vives

Canção do Ano

“ADMV” — Vicente Barco, Edgar Barrera, Maluma & Stiven Rojas, songwriters (Maluma)
“Bonita” — Juanes, Mauricio Rengifo, Andrés Torres & Sebastián Yatra, songwriters (Juanes & Sebastián Yatra)
“Codo Con Codo” — Jorge Drexler, songwriter (Jorge Drexler)
“El Mismo Aire” — Edgar Barrera, Camilo, Jon Leone, Richi López & Juan Morelli, songwriters (Camilo)
“For Sale” — Alejandro Sanz & Carlos Vives, songwriters (Alejandro Sanz & Carlos Vives)
“#ELMUNDOFUERA (Improvisación)” — Alejandro Sanz, songwriter (Alejandro Sanz)
“Lo Que En Ti Veo” — Kany García, songwriter (Kany García & Nahuel Pennisi)
“René” — Residente, songwriter (Residente) - VENCEDOR
“Tiburones” — Oscar Hernández & Pablo Preciado, songwriters (Ricky Martin)
“Tusa” — Kevyn Mauricio Cruz Moreno, Karol G, Nicki Minaj & Daniel Oviedo Echavarría, songwriters (Karol G & Nicki Minaj)
“Tutu” — Camilo, Jon Leone & Richi López, songwriters (Camilo Featuring Pedro Capó)

Melhor Novo Artista

Anuel AA
Rauw Alejandro
Mike Bahía - VENCEDOR
Cazzu
Conociendo Rusia
Soy Emilia
Kurt
Nicki Nicole
Nathy Peluso
Pitizion
Wos

Melhor Álbum de Músicas de Raízes em Língua Portuguesa

Veia Nordestina – Mariana Aydar (VENCEDOR)
Aqui Está-se Sossegado – Camané & Mário Laginha
Acaso Casa Ao Vivo – Mariene De Castro e Almério
Targino Sem Limites – Targino Gondim
Obatalá – uma Homenagem a Mãe Carmen – Grupo Ofa
Autêntica – Margareth Menezes

Melhor Álbum Pop

Spoiler — Aitana
Prisma — Beret
Por Primera Vez — Camilo
Más Futuro Que Pasado — Juanes
Pausa — Ricky Martin - VENCEDOR

Melhor Álbum de Rock ou Música Alternativa em Língua Portuguesa

AmarElo – Emicida (VENCEDOR)
Little Electric Chicken Heart – Ana Frango Elétrico
Letrux Aos Prantos – Letrux
Universo do Canto Falado – Rapadura
Na Mão As Flores – Suricato

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.