O festival, uma espécie de extensão do programa de música portuguesa da Rádio Universidade de Coimbra "Santos da Casa", que conta com 28 anos de atividade, quer "mostrar em palco bandas e artistas que regularmente são divulgados no programa", refere a organização, em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

Durante o festival, estão previstos oito concertos, em diferentes sítios da cidade.

No dia 21, o festival leva até ao palco do Salão Brazil os Lobos de Barro, duo composto por André Barros e Valter Lobo, e, a 28, a Casa das Artes Bissaya Barreto recebe um espetáculo de Krake, projeto do baterista Pedro Oliveira, que participou em projetos como peixe:avião, Green Machine ou Dear Telephone, refere a nota de imprensa.

Já a 2 de abril, Eduardo Branco apresenta o álbum de estreia "97", no Centro Cultural D. Dinis.

Durante o festival, há ainda concertos de Bali, Helena Silva, O Manipulador, Museum Museum e Grutera, os últimos três no corredor da Rádio Universidade de Coimbra (RUC).

Para além dos concertos, no dia 6 realiza-se uma "pré-festa" no bar Pinga Amor, com um dos locutores do programa, Nuno Ávila, e, no dia 14, o outro responsável pelo Santos da Casa, Fausto Silva, estará na Rádio Baixa para falar da história do festival.

No passado, já passaram pelo festival nomes como A Naifa, Paus, Sam The Kid, Dealema, Dead Combo, Samuel Úria e Balla, entre outros.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.