O Nova Batida “mistura a mais recente música, arte, cultura e estilo de vida de todos os cantos do mundo” na cidade que a organização descreve como “um dos mais excitantes centros criativos da Europa”.

Os locais escolhidos para acolher o “novo festival citadino”, entre sexta-feira e domingo, foram a Lx Factory e o Village Underground, ambos na zona de Alcântara.

A programação musical junta “alguns dos melhores talentos internacionais passando por novos, excitantes e diversos géneros musicais”, entre os quais os suecos Little Dragon, o britânico Gilles Peterson, a dupla britânica Mount Kimbie, o nigeriano Seun Kuti e os portugueses Riot, Octa Push e Rita Maia.

Além da música, o festival promove “aulas de surf e yoga e outras animações de rua numa proposta alargada que pretende ser também um roteiro de apresentação para a cidade de Lisboa e as suas múltiplas comunidades e dimensões”.

A programação inclui ainda, durante a tarde, quatro festas em barcos: Reggae & CC Culture Boat, Soul & Disco, Hip Hop & Beats e Tropical Sounds.

O Nova Batida, refere a organização, junta a promotora Soundcrash com “a cidade mais ‘trendy’ da Europa e o ‘line-up’ mais atual”.

Além de Little Dragon, Gilles Peterson, Mount Kimbie, Seun Kuti e Octa Push, atuam no festival artistas como Maribou State, Max Cooper, LTJ Bukem, DJ Marfox, Camilla Fuchs, entre muitos outros.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.