Depois de milhares de críticas, memes e piadas nas redes sociais, Mariah Carey decidiu falar sobre a desastrosa atuação "em viva voz". Através da sua conta no Twitter e no Facebook, a cantora partilhou uma mensagem em áudio onde se confessa "humilhada" e "magoada".

"Eles [produção do programa 'Dick Clark's Rockin' New Year's Eve with Ryan Seacrest'] deixaram-me frustrada. E viram ali uma oportunidade para me humilhar e a todos os que estavam entusiasmados por entrar no Novo Ano comigo", começa por frisar a artista. "É uma pena que nos tenham posto nas mãos de uma equipa de produção com problemas técnicos que escolheu capitalizar circunstâncias fora do nosso controlo", acrescenta.

Na mensagem partilhada no Twitter e Facebook, Mariah Carey agradeceu o apoio dos fãs, anunciando que vai abandonar as redes sociais. "Não posso negar que fiquei magoada, mas estou a tentar ultrapassar isto e agradeço aos meus fãs e aos meus verdadeiros amigos, que me têm apoiado (...) Vou fazer um intervalo dos meus momentos nos media e nas redes sociais", revelou.

A cantora explicou ainda por que razão não cantou ao vivo no especial de fim de ano. "Não é prático para um cantor cantar ao vivo e conseguir ouvir-se decentemente no meio de Times Square, com todo o barulho, o frio, o fumo das máquinas de fumo, milhares de pessoas a celebrar", disse Mariah, relembrando que vai voltar aos concertos em março.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.