“Lamentamos anunciar que o icónico cantor John Wetton morreu hoje enquanto dormia. Descansa em Paz, John. 12/06/1949-31/01/2017”, lê-se na conta oficial dos Asia na rede social Twitter.

A notícia foi também divulgada no 'site' oficial do músico que também fez parte dos King Crimson, onde é referido que John Wetton morreu “depois de uma longa e corajosa batalha contra um cancro do cólon”.

A 11 de janeiro, Wetton assinou uma mensagem aos fãs a dar conta de que, devido a aconselhamento médico, se iria retirar da primeira parte da digressão dos Asia com os Journey.

"Apesar de estar naturalmente desapontado por perder o começo daquilo que sei que será uma digressão histórica dos Asia, pretendo regressar aos palcos com a banda mais tarde em 2017, com datas ainda a anunciar. Sei que esta decisão será no melhor interesse da minha saúde e dos fãs, no longo-prazo", escreveu o baixista.

Numa mensagem publicada hoje nas redes sociais do grupo, o teclista Geoff Downes lembrou Wetton como "muito mais do que um talento musical gigante e único", tratando-se de um "homem de uma inteligência suprema, marcado por grandes observações e sabedoria acerca da vida, tudo dentro do seu sentido de humor".

John Wetton nasceu no Reino Unido em 1946. Em 1972 juntou-se aos King Crimson, ocupando o lugar deixado vago por Greg Lake como vocalista e baixista. Antes, fez partes de bandas como os Family, Renaissance e Mogul Trash.

Em 1975, passou a fazer parte dos Roxy Music, de Bryan Ferry, tendo, seis anos depois, formado a ‘superbanda’ Asia, com o guitarrista Steve Howe (dos Yes), o teclista Geoff Downes (dos Yes e dos The Boggles) e o baterista Carl Palmer.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.