Donald Trump, confessou na passada segunda-feira, 8 de outubro, que gostava "cerca de 25% menos" da música de Taylor Swift, depois da cantora ter declarado o seu apoio ao candidato democrata do Tennessee ao Senado. Apesar da insatisfação do presidente norte-americano, as declarações da artista foram bem recebidas por uma grande fatia dos seus seguidores.

Segundo a YouGov, empresa de marketing, a popularidade da cantora subiu depois de se ter posicionado politicamente. De acordo com o estudo, 29% dos norte-americanos confessaram que agora gostam mais da artista, enquanto 19% dos inquiridos diz gostar menos.

Veja na tabela os resultados do estudo:

No passado domingo, a artista demonstrou o seu apoio a Phil Bredesen para a Câmara alta no seu estado natal, e fez um ataque feroz à sua oponente, a republicana Marsha Blackburn, que atualmente está no Senado.

O presidente foi questionado sobre a sua reação ao desprezo da cantora, e respondeu aos repórteres na Casa Branca que "tinha a certeza de que Taylor Swift não sabia nada" sobre Blackburn.

"Vamos dizer que agora gosto menos 25% das canções da Taylor, ok?", acrescentou Trump, com um sorriso irónico.