Uma falha na sua atuação fez com que Pedro Aunion caísse mais de 30 metros à frente de 35 mil pessoas, apenas momentos antes dos Green Day subirem ao palco.

Mas afinal o que é que aconteceu para um acrobata profissional morrer a meio da sua performance?

Relacionado: Pedro Aunion deixou uma mensagem ao namorado o dia antes de morrer. Veja aqui.

A tragédia deu-se com uma falha na troca das cordas que seguravam Pedro Aunion à caixa onde estava pendurado a 30 metros de altura.

O artista estava segurado por uma corda enquanto fazia as acrobacias no ar e depois era suposto trocar para uma corda elástica de bungee jumping para se deixar cair sobre a multidão e despejar confettis roxos no ar ao som de “Purple Rain” de Prince.

Relacionado: A organização de Mad Cool fez um comunicado sobre a sua decisão de continuar com o festival depois do acidente. Veja aqui o que disseram.

O acidente aconteceu durante essa troca.

A polícia de Madrid ainda está a determinar se o erro foi humano ou técnico, estão a analisar todas as provas para saber se foi Aunion que se soltou da primeira corda antes de estar atado à segunda, ou se a corda de bungee jumping não estava bem atada ao arnês de segurança.

Relacionado: Green Day manisfestam-se sobre a tragédia. Veja aqui os tweets da banda.

Muitos artistas estão a acusar o festival de negligência na segurança, pois a chuva que caiu no dia anterior fez com que o ensaio geral fosse impossível e deixou o material das acrobacias em mau estado, o que pode ter sido a causa indireta do acidente de Pedro Aunion.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.