A estrela dos Barbados, residente dos Estados Unidos, mas que não pode votar, publicou uma mensagem na sua conta no Instagram, na qual é seguida por 65 milhões de pessoas.

"Bom dia, Estados Unidos. Quem está acordado esta manhã? E quem está consciente?", escreveu. "Vocês têm uma coisa a fazer hoje e é registarem-se nas listas eleitorais", continuou na legenda de uma fotografia que mostra os prazos de registo nos 50 estados.

A mensagem foi publicada poucos dias depois de um pedido similar da cantora Taylor Swift, que disse que votaria pelos democratas no seu estado, o Tennessee.

De acordo com um funcionário da plataforma federal de registo de eleitores entrevistado pelo Buzzfeed News, 65 mil pessoas enviaram solicitações de registo nas 24 horas após a mensagem de Taylor.

Em comparação, durante todo o mês de agosto apenas 56.669 americanos se tinham registado.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.