Nos últimos dias, vários artistas portugueses juntaram-se a "O Discurso de Ódio não é Argumento", uma campanha da EPAN (European Anti Poverty Network) Portugal, contra o racismo, a discriminação e o discurso de ódio. A iniciativa insere-se no âmbito da Semana da Interculturalidade.

Nas redes sociais, vários músicos, como Gisela João, Capicua, Carlão ou Surma, partilham as imagens da campanha e vestiram t-shirts com as frases da iniciativa "O Discurso de Ódio não é Argumento", que "dá a volta ao texto". Valter Hugo Mãe, Rosa Monteiro, secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Selma Uamusse, Ágata e Jorge Gabriel também vestiram a camisola.

"Vai mas é para a tua terra. Aqui não há lugar para o racismo", "Toda a gente sabe que o lugar da mulher é... onde ela quiser" ou "Faziam bem se fossem trabalhar. Com salários dignos" são algumas das frases da campanha.

Segundo o P3, estão a ser feitas t-shirts para venda e os interessados devem enviar email para a EAPN (geral@eapn.pt).

Veja as publicações:

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.