A 15 de janeiro, o Salão Brazil acolhe um concerto de Vaiapraia, "figura de proa do queer punk nacional", que apresenta em Coimbra o seu segundo álbum, intitulado "100% Carisma", que chega quatro anos depois do seu trabalho de estreia, afirmou o Jazz ao Centro Clube (JACC), que gere o espaço situado na Baixa de Coimbra.

O longa duração de Vaiapraia conta com a colaboração de nomes como Luís Severo e Adriano Cintra (Cansei de Ser Sexy), que contribuíram nos arranjos do álbum.

A 29 de janeiro, será a vez de Vítor Joaquim regressar ao Salão Brazil, para apresente o seu mais recente disco, "The Construction of Time".

"Vítor Joaquim é, sem dúvida, uma das figuras de referência da música eletrónica de cariz exploratório feita em Portugal", refere o JACC, salientando que, tal como no disco, o artista apresenta-se com o trompetista João Silva.

O primeiro concerto do ano no Salão Brazil será também o primeiro no âmbito do ciclo "Porta-Jazz no Salão", que vai contar com oito atuações de apresentação de discos do carimbo daquela associação de músicos de jazz do Porto.

A 8 de janeiro, sobe ao palco o trio do contrabaixista Miguel Ângelo, que apresenta "Utopia".

Já a 22 de janeiro, sobe o trio do também contrabaixista Filipe Teixeira.

Na nota de imprensa, o Salão Brazil explica que a lotação do espaço vai manter-se nos 35 lugares por concerto.

O espaço, desde que reabriu a 25 de junho de 2020, depois de mais de três meses de paragem devido à pandemia de COVID-19, organizou mais de 30 concertos.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.