A terceira temporada da série antológica de Ryan Murphy, criador de "American Horror Story" e "Glee", vai centrar-se na morte do estilista Gianni Versace. O designer de moda foi morto em 1997 pelo serial killer Andrew Cunanan, que se matou oito dias depois.

Segundo a Variety, a temporada “Versace/Cunanan: American Crime Story” será baseada no livro “Vulgar Favors”, da escritora Maureen Orth.

Antes da estreia dos novos episódios sobre Versace, chega em 2017 a segunda temporada de  “American Crime Story”, que irá abordar o furacão Katrina, que devastou a cidade de Nova Orleães em 2005. Segundo o The Hollywood Reporter, as consequências do furacão e um grupo de seis ou oito pessoas que exploram os vários lados da história serão o foco principal da série.

"Quero que esta série seja um exame de consciência social para todos os diferentes tipos de crime em todo o mundo. Na minha opinião, o furacão Katrina foi um grande crime, um crime contras as pessoas que não tinham uma voz forte, e vamos tratar o assunto como um crime", revelou o criador da série, Ryan Murphy.

A primeira temporada da produção foi centrada no caso de O.J. Simpson. Na edição de 2016 dos Emmys , no campeonato das minisséries e telefilmes, "The People v. O.J. Simpson: American Crime Story" saiu da cerimónia com cinco Emmys, incluindo o da muito celebrada vitória de Sarah Paulson. A atriz fez-se acompanhar na gala da verdadeira Marcia Clark, advogada a que dá corpo na produção de Ryan Murphy.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.