Arón Piper é um dos jovens atores que a Netflix deu a conhecer ao mundo. O ator ficou conhecido ao vestir a pele de Ander em "Elite" e será um dos protagonistas de "A Desordem que Deixas", nova série espanhola do serviço de streaming.

Graças ao sucesso da série da Netflix, Arón Piper tornou-se rapidamente popular em todo o mundo, somando atualmente mais de 13 milhões de seguidores no Instagram. Em entrevista à revista GQ Spain, o ator confessa que teve de aprender a lidar com a fama, lembrando que não teve uma adolescência fácil.

À publicação, o ator confessa que se rodeou de más companhias, que teve uma crise de identidade e uma depressão aos 17 anos. "Aos 15 anos decidi que não queria ser mais ator (...) Fumava muito, com atitudes más e saía com más companhias", contou o jovem de 23 anos, recordando que os pais o aconselharam a mudar-se para Madrid: "Estava para deixar de ser ator e eles disseram-me: 'vais para Madrid, lutar pelo o teu sonho e, se não, ficas de fora [do mundo da representação]".

"Os meus primeiros anos em Madrid foram horríveis, saí de uma depressão e de uma crise de identidade", lembrou. Já na capital espanhola, Arón Piper conseguiu o papel na série da Netflix. "A minha fama foi extrema. Também me forçou a aprender muito rapidamente os códigos, o que deve e o que não pode ser feito", frisa.

"Se que adoras é estar aqui, então a fama tem de ser tornar secundária", remata.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.