Durante um jogo entre os concorrentes do "Big Brother", o participante Hélder fez um comentário já considerado pela TVI como homofóbico. "Atitudes sexistas e homofóbicas são inadmissíveis no 'Big Brother'", sublinhou o canal, em rodapé.

Na tarde desta terça-feira, Cláudio Ramos a produção anunciaram que o concorrente está nomeado e que serão os portugueses a decidir: "O Hélder deve ser expulso no próximo domingo? Sim ou não?".

A notícia foi destaque nas redes sociais e teve eco na imprensa brasileira. O jornal A Folha de São Paulo escreve na sua edição online que "o 'Big Brother' português começou a sua nova edição há apenas dois dias e já enfrenta uma grande polémica". "Isso porque o reality show decidiu deixar para o público a decisão sobre a expulsão de um participantes acusado, já no primeiro dia, de fazer comentários homofóbicos", explica o jornal.

Já o portal UOL escreve que o "participante homofóbico" do "Big Brother Portugal" será julgado pelo público. "Um caso de homofobia no confinamento do 'Big Brother 'em Portugal tomou proporções gigantescas no país", frisa Leo Días, um dos mais populares cronistas da imprensa brasileira.

O site de notícias O Globo também destaca a polémica. "'Big Brother Portugal' pune participante por declaração homofóbica", escreve o jornal no título do artigo, acrescentando que "a direção do programa transferiu para o público a decisão" da sua permanência ou expulsão.

O site de Hugo Gloss, um dos maiores influenciadores do mundo, também deu conta da polémica. "Eitaaa! Esta terça (12), um participante do 'Big Brother Portugal' foi penalizado após atitudes sexistas e homofóbicas dentro do reality show", escreveu o site no Instagram.

O Estadão também dedicou um artigo ao reality show português. "Participante do 'Big Brother' Portugal é penalizado por homofobia", pode ler-se no título do site do jornal brasileiro.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.