Depois da edição comemorativa dos 20 anos do "Big Brother", que chegou ao fim no passado fim de semana, a TVI tem uma nova aposta para as noites de domingo. "Boom", o novo programa de Marco Horácio, estreia este fim de semana, na noite do dia 9 de agosto, e promete arrancar muitas gargalhadas aos espectadores.

Em entrevista ao SAPO Mag, o apresentador garante que a nova aposta do canal vai animar toda a família. "É um concurso de cultura geral, mas é feito para toda a família. Tem quatro rondas e se os concorrentes cortarem o cabo errado... há uma bomba que explode na cara. É um programa que tem tudo para dar certo: tem cultura geral, tem pressão, tem o receio dos concorrentes que não sabem se vão cortar o cabo certo e é muito dinâmico, com um ritmo alucinante. É um formato aglutinador das famílias, dá para o mais pequeno e para o mais velho", frisa Marco Horácio.

"Isto vem um bocadinho no seguimento do 'Mental Samurai', do Pedro Teixeira, que também é um programa de cultura geral, mas com uma dinâmica diferente. Este aqui são duas equipas de quatro, com quatro rondas, com bombas a explodir, ainda é mais intenso e imprevisível, não deixando de ser um programa de cultura geral", explica o apresentador, lembrando que não tem o "six pack do Pedro Teixeira. "Posso não ser tão bonito como o Pedro Teixeira, nem ter o six pack do Pedro Teixeira, mas este programa não se pode perder porque é único, tem concorrentes espetaculares, tem bombas a explodir e é um programa que vai divertir toda a gente. É só colarem uma foto minha na cara do Pedro Teixeira e é o formato perfeito", graceja.

Marco Horácio

Para Marco Horário, os concorrentes são os grandes protagonistas do novo concurso de cultura geral da estação de Queluz de Baixo. "Neste programa fiz 72 novos amigos porque os concorrentes são, de factos, fantásticos. Os concorrentes fazem o programa porque foram muito bem preparados pela TVI, pela produtora Endemol, e depois também levavam com a 'esfrega do Horácio' antes de começarmos a gravar, para descontraírem. Temos concorrentes magnificos, que me divertiram, que nos vão divertir a todos em casa", sublinha.

"Sempre que explode uma bomba é um momento alto. É um momento mesmo explosivo e a nível de imagem é impactante, é muito forte. Temos vários momentos... momentos em que danço com os concorrentes, momentos em que faço as minhas habituais parvoíces e temos momentos de grande tensão porque os concorrentes não ganham por muito pouco. Há muita alegria, muita felicidade", confessa o apresentador.

Para a primeira temporada de "Boom", Marco Horário e a equipa viajaram até Espanha para gravar os episódios do programa da TVI. "Gravávamos o programa num país que não é o nosso e isso já é um desafio. Um mês antes de irmos, já estava a trabalhar nisto, a ver o formato espanhol - vi o que não queria fazer, decorei a mecânica de marcações de câmara, as marcações dele para chegar lá e não perder tempo com isso. Quis dar um toque meu e acho que conseguimos, fruto do trabalho de toda a gente. Conseguimos tornar este formato nosso e foi engraçado que, até o realizador, no segundo dia, já dizia que o formato parecia que tinha sido criado para mim. Já sabia as marcações todas, preparei-me, de facto, muito bem tecnicamente para depois me divertir, para me soltar, para estar à vontade", conta Marco Horácio ao SAPO Mag.

Marco Horácio
créditos: TVI

"Estamos todos a aprender a viver uma nova realidade, isto é tudo uma realidade um bocado estranha. Foi bom voltar para estúdio, foi bom voltar a fazer um formato desta dimensão. É giro porque as pessoas em casa não vão sentir que tivemos uma data de normas de segurança - durante as gravações, houve sempre distanciamento... eu não me posso envolver emocionalmente nem fisicamente com eles e é uma coisa que eu gosto. Mas, em casa, as pessoas não vão notar isso. Tivemos um espírito muito divertido durante as gravações", explica o apresentador da TVI.

"Boom", que estreia no próximo domingo à noite, marca o regresso de Marco Horário aos grandes formatos, depois de ter conduzido "A Vida Lá Fora" com Nilton, António Raminhos, António Machado, Guilherme Duarte e João Seabra. "É sempre bom fazermos parto de algo que ajudamos a crescer e a revolucionar um bocadinho o nosso mundo. A TVI está nesse caminho, de abrir cada vez mais para um público mais familiar, para chegar a todas as idades... uma aposta clara em mais humor porque o humor junta as pessoas e diverte as pessoas", sublinha o apresentador.

"Estou muito feliz, estou muito contente e estou muito motivado por estar na TVI. Sinto confiança plena da parte da TVI no meu trabalho e nas minhas capacidades e isso é fundamental", remata em conversa com o SAPO Mag.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.