Um clássico da programação das grandes emissoras de televisão americanas há mais de 50 anos, os "talk shows" noturnos  foram sempre reservados para homens, principalmente brancos.

A única exceção é a comediante Joan Rivers, que apresentou o seu próprio programa por dois anos na Fox, de 1986 a 1988.

A partir do próximo outono, Singh apresentará o último dos três segmentos do talk show noturno da NBC, até agora conduzidos pelo apresentador Carson Daly, à 01h35 no horário local de Nova Iorque.

A humorista Samantha Bee tem o seu talk show "Full Frontal", lançado em 2016, mas é transmitido no canal de TV por cabo TBS, que tem um público muito menor do que as quatro grandes redes nacionais.

Singh, de 30 anos, é uma canadiana de pais indianos. O seu canal no YouTube "Superwoman", lançado em 2010, tem hoje 14,5 mil milhões de acessos.

A canadiana deu a notícia durante uma visita, na noite de quinta-feira, ao talk show mais visto da emissora, "The Tonight Show", explicando que ela imagina um programa que será "um pouco parecido com o canal no YouTube".

"Eu acho ótimo que uma mulher indo-canadiana tenha o seu próprio talk show noturno", ela disse entusiasticamente.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.