"A partir de agora 'Os Simpsons' não voltarão a ter atores brancos a representar personagens que não são brancos", informou uma nota da FOX enviada à AFP.

O anúncio provavelmente não afetará as vozes dos personagens da família Simpson, embora sejam amarelas, mas há várias outras que deverão assim mudar de ator.

A personagem da série lançada em 1989 Apu Nahasapeemapetilon, um comerciante indiano cuja voz em inglês era interpretada pelo ator Hank Azaria que, em janeiro, anunciou que, em acordo com a produção, deixaria de fazer a personagem, depois de ter sido acusado por muito tempo de transmitir estereótipos racistas.

Em janeiro, o ator branco anunciou que, em acordo com a produção, deixaria de fazer a personagem, depois de ter sido acusado por muito tempo de transmitir estereótipos racistas.

A mudança também deverá afetar o personagem do Dr. Hibbert, um negro interpretado pelo ator branco Harry Shearer que empresta a sua voz a muitos outros personagens da série, como Mr. Burns, o chefe de Homer Simpson, o seu vizinho Ned Flanders e o diretor Skinner.

Antes disso, o ator Mike Henry, também branco, anunciou que deixaria de dar voz ao personagem negro Cleveland Brown de outra popular série animada, "Family Guy".

"Foi uma honra interpretar o Cleveland para o "Family Guy" durante 20 anos. Adoro a personagem, mas pessoas de cor (não brancas) devem interpretar as personagens de cor. É por isso que deixo o papel", escreveu no Twitter.

Esses anúncios seguem decisões semelhantes da Netflix ("Big Mouth") e da Apple TV + ("Central Park") numa altura de exame de consciência da sociedade americana sobre o seu passado racista e de discriminação, motivada pela morte de George Floyd, um homem negro que foi sufocado por um policial branco.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.