Nas últimas semanas, a equipa liderada por "El Profesor" tem estado nas bocas do mundo - "La Casa de Papel" liderou por várias semanas o ranking das séries mais vistas em maratonas da aplicação TV Time e está atualmente no 39º lugar do top das séries mais populares do IMDb.

Mas se "La Casa de Papel" decorresse em Portugal, como seria? O humorista Guilherme Geirinhas deu a reposta num vídeo que em dois dias já foi visto mais de 27 mil vezes no Youtube.

"O que ainda ninguém reparou é que a grande influência da série é a 'Casa dos Segredos'. Sete pessoas fechadas numa casa fazem missões para ganhar dinheiro. Até há telefonemas de uma voz que está no exterior", graceja Guilherme Geirinhas.

Veja o vídeo:

Após o sucesso mundial da primeira e segunda parte de "La Casa de Papel", a Netflix anunciou novos episódios.

"La Casa de Papel" (título original ou "Money Heist" em alguns países) foi produzida pelo canal privado espanhol Antena 3, em parceria com a Atresmedia e a Vancouve, e estreou a 2 de maio de 2017 , com episódios semanais. Na sua transmissão original, a série contou com 15 episódios divididos em duas temporadas (nove na primeira e seis na segunda) e chegou ao fim a 23 de novembro.

Um mês depois, a 25 de dezembro, a primeira parte da produção espanhola estreou na Netflix. Porém, o serviço de streaming decidiu fazer uma edição e transformar os nove episódios iniciais em 13 capítulos. Já a segunda parte da primeira temporada, que estreou esta sexta-feira no serviço de streaming, conta com nove episódios de 50 minutos, em vez dos 70 minutos originais.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.