Segundo a organização, o ciclo de cinema “Tempo, memória e resistência” inicia-se nos dias 28, 29 e 30 de junho no Museu de História Natural da UP, “estender-se-á até novembro e passará também pelo Passos Manuel”.

“Os três filmes que abrem o ciclo levam-nos até um tempo próximo e longínquo das memórias do século XX, com ‘Nostalgia da Luz’, de Patricio Guzman, ‘Honeyland – A Terra do Mel’, de Tamara Kotevska e Ljubomir Stefanov, e ‘Feliz como Lázaro’, de Alice Rohrwacher”, refere a organização.

As sessões de junho decorrem às 21h30 e são de entrada livre.

O ciclo será retomado em setembro, “com a restante programação a ser anunciada brevemente”: “No total serão mostrados 10 filmes de cineastas com perspetivas diferentes, mas igualmente empenhados política e socialmente, com pontos de vista livres e que pomos aqui em perspetiva como exemplos da vitalidade do cinema mundial contemporâneo”.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.