Os cinemas portugueses permanecem abertos, mas têm vindo a implementar planos de contingência para fazer face ao coronavírus.

Esta sexta-feira (13), fonte oficial da NOS Cinemas confirmou ao SAPO Mag que vai implementar medidas adicionais para garantir a proteção, segurança e confiança dos seus espectadores.

A partir de sábado, a capacidade das salas será reduzida em 50% ou até um máximo de 150 pessoas por sala. Será também possível escolher o lugar, recomendando uma distância mínima social (2 metros), que também se aplica no atendimento nas bilheteiras.

Será ainda relembrada a possibilidade de adquirir antecipadamente através da sua app ou do site ingressos (lugares marcados) e produtos do bar.

Coronavírus "verga" Disney: estúdio cancela estreias de filmes, incluindo "Mulan" e "Novos Mutantes"
Coronavírus "verga" Disney: estúdio cancela estreias de filmes, incluindo "Mulan" e "Novos Mutantes"
Ver artigo

O maior exibidor em Portugal esclareceu que ativou há várias semanas um gabinete de acompanhamento que tem vindo a trabalhar em medidas de prevenção, em alinhamento com as orientações da Direção Geral de Saúde e da Organização Mundial de Saúde.

Nesse âmbito foram implementadas medidas reforçadas de higienização e limpeza nas salas, pontos de contacto (quiosques de venda ou levantamento de bilhetes, portas, balcões, entre outros), que também se aplicam aos seus colaboradores, a quem também é feita a mediação regular da temperatura.

A disponibilização de dispensadores de desinfetante para clientes e o reforço da renovação do ar nos complexos e salas de cinema foram outras decisões da NOS Cinemas.

Outros exibidores acautelam segurança

De acordo com os dados mais recentes do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), a rede de exibição comercial de cinema integra 535 salas, com cerca de 99 mil lugares.

Segundo o ICA, a NOS Cinemas é a maior exibidora nacional, com 219 salas em todo o país, o que representa 40,9% do total de ecrãs. Seguem-se Cineplace (85 salas), NLC Cinema City (46 salas), UCI (45 salas) e Socorama (Castello Lopes) (31 salas).

O SAPO Mag contactou os cinemas UCI e Cineplace, que até à manhã de 12 de março não partilharam publicamente planos. Nenhum responsável se mostrou disponível para comentar a atual situação.

Coronavírus: cinema Trindade e Cinemateca Portuguesa suspendem sessões
Coronavírus: cinema Trindade e Cinemateca Portuguesa suspendem sessões
Ver artigo

O NLC Cinema City foi o primeiro a implementar a medida da venda intercalada de lugares nos seis espaços em que opera.

Nas redes sociais, o exibidor confirmou que também foi imposta a organização das filas para garantir a distância de um metro entre clientes.

Haverá ainda pessoas colocadas exclusivamente para o manuseamento e venda de produtos alimentares, na venda de bilhetes e nas formas de pagamento.

A disponibilização de produtos desinfetantes para as mãos e o reforço das limpezas periódicas das zonas de contacto manual são outras medidas anunciadas.

Espaço Nimas e Cinema Ideal (ambas em Lisboa) e Castello Lopes Cinemas (Sintra, Barreiro, Torres Vedras, Santarém e Guimarães) também informaram os seus clientes do reforço de medidas que cumprem as diretrizes de prevenção recomendadas pelas autoridades de saúde na área de limpeza.

Na sexta-feira (13), o Espaço Nimas também reduziu a ocupação a 140 lugares para cumprir a mais recente lista de medidas decretadas pelo governo.

Esta notícia será atualizada com novas informações dos exibidores que sejam disponibilizadas.

O mais recente balanço das autoridades de saúde portugueses (sexta-feira, 13) indica que existem 112 casos confirmados de infeção e nenhuma vítima.

(*) Notícia atualizada na sexta-feira (13), com as informações prestadas pela NOS Cinemas, a redução da capacidade do Espaço Nimas e a ausência de respostas dos cinemas UCI e Cineplace.

Mais informações sobre o COVID-19.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.