Não há título, muito menos uma ideia do que será a história, mas começa a definir-se o elenco do novo filme "secreto" de M. Night Shyamalan.

O mexicano Gael García Bernal é o ator mais recente, e também o mais sonante, a juntar-se ao projeto financiado pelo próprio realizador e que será o primeiro de dois "thrillers" da sua autoria que anunciou em 2019 e deverão chegar aos cinemas em 2021 e 2023.

Após os sucessos de "O Sexto Sentido" (1999), "O Protegido" (2000), "Sinais" (2002) e "A Vila" (2004), o realizador só conheceu fracassos sucessivos de bilheteira e artísticos com "A Senhora da Água" (2006), "O Acontecimento" (2008), "O Último Airbender" (2010) e "Depois da Terra" (2013).

Batendo no fundo, reergueu a carreira com "A Visita" (2015), "Fragmentado" (2017) e "Glass" (2019), que financiou de forma independente, com um orçamento conjunto de 35 milhões de dólares, e conseguiram 625 milhões de receitas a nível mundial.

"Glass": Samuel L. Jackson, Sarah Paulson, Bruce Willis e James McAvoy com Shyamalan

Segundo o Deadline, o secretismo à volta do novo projeto não consegue esconder pelo menos isto: ao contrário da maioria dos seus filmes, que normalmente assentam em dois ou três protagonistas, rodeados por atores secundários, o próximo terá um dos maiores elencos na carreira do cineasta.

Confirmados estão já Alex Wolff, Thomasin McKenzie, Eliza Scanlen, Aaron Pierre, Vicky Krieps, Abbey Lee, Nikki Amuka-Bird e Ken Leung.

Segundo várias fontes, ainda não está definido quando poderá começar a rodagem por causa da pandemia, mas a expectativa é que possa arrancar no outono, quando for mais claro o plano de medidas de segurança.

A Universal colocou a estreia do filme para 23 de julho de 2021.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.