Os atores deram o “Sim” há quase 30 anos na rodagem do filme “Drácula de Bram Stoker”, onde foram casados por um padre verdadeiro numa cerimónia completa.

Durante entrevistas sobre o filme “Destination Wedding”, uma comédia romântica com estreia nos EUA no final deste mês protagonizada por Winona Ryder e Keanu Reeves, a atriz disse à “Entertainment Weekly” que acha que casou com o protagonista de “Matrix” mesmo a sério.

Durante a rodagem de “Dracula de Bram Stoker”, realizado por Francis Ford Coppola e estreado em 1992, foi rodada uma cena de casamento entre Mina e Jonathan Harker, as personagens interpretadas pelos dois atores. “Na verdade, nós casámos no “Drácula”. Juro por Deus, acho que casámos na vida real. Nessa cena, [o Francis Ford Coppola] usou um padre verdadeiro”, disse a atriz, sublinhando que “fizemos a cerimónia toda. Acho que estamos casados”.

Reeves ainda perguntou se tinham ambos dito que “Sim” nessa cena e acabou por reconhecer com ironia: “Oh meu Deus, estamos casados”.

Quando soube da entrevista, Coppola corroborou a historia de Ryder, explicando que como estava insatisfeito com a primeira versão rodada dessa cena, decidiu que “fazer uma verdadeira cerimónia de casamento como seria feita naquela religião [Cristianismo ortodoxo grego] seria muito bonito”. Nesse sentido, filmou a cerimónia completa numa igreja ortodoxa grega em Los Angeles com um padre verdadeiro.

“Foi muito autêntico e acho que muito bonito porque fizemos mesmo a cerimónia e foi o padre a fazer a cerimónia”, assegurou. "Por isso, num certo sentido, quando terminámos, percebemos que o Keanu e a Winona tinham mesmo casado como resultado desta cena e desta cerimónia", acrescentou o realizador.

No filme, a cena é entrecortada com a cena da morte de um homem transformado em vampiro e nunca se percebe se o padre usou os nomes das personagens ou dos atores.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.