Em entrevista à XFM, Bonehead comentou que, se a banda voltasse ao ativo, “estaria lá sem hesitar e faria isso de graça”.

Contudo, quando questionado se imaginava, efetivamente, o grupo a reunir-se, revelou não ser a pessoa indicada para responder: “Eu não sei. Não me perguntem! Quem sabe, já aconteceram coisas mais estranhas. Mas não sei. Estão a perguntar isso à pessoa errada. Seria porreiro se o fizessem, não seria?”.

Recorde-se que, no mês passado, Noel Gallagher brincou que voltaria aos Oasis se lhe oferecessem, por exemplo, 500 milhões de preservativos. “Eu estava no quiosque no outro dia, quando a notícia saiu. O Daily Star dizia: ‘Oasis novamente juntos por 500 milhões de libras', o que é meio milhar de milhões. Eu aceitaria por meio milhar de milhões de qualquer coisa: saquetas de chá Yorkshire, preservativos, embalagens de noodles…”, afirmou.

Os rumores de uma reunião dos Oasis resurgiram quando, há duas semanas, Liam Gallagher publicou no seu Twitter, de forma gradual, as letras que compõem o nome da banda, terminando com um “Oasis LG”. Foram milhares que deduziram, de imediato, que o grupo iria reunir-se, com vários a apostarem nos Oasis para cabeças de cartaz do festival Glastonbury.

Entretanto, Bonehead revelou achar que a única razão pela qual Liam Gallagher publicou os tweets foi por se ter encontrado, nessa noite, com os ex-elementos dos Oasis, à exceção de Noel, num pub.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.