Até ao próximo sábado, 29 de setembro, na FCG, em Lisboa, será apresentado um CD, acontecerão mesas redondas e vários concertos e terá lugar a estreia absoluta de duas peças de compositores portugueses.

Na quinta-feira, o concurso para o Prémio Jovens Músicos-Maestro Sousa Pereira está marcado para as 19:00, no Grande Auditório da Fundação, e será transmitido em direto pela Antena 2.

O Prémio Maestro Silva Pereira tem o valor pecuniário de 2.500 euros “para aperfeiçoamento artístico no estrangeiro”, conforme estipula o respetivo regulamento, e possibilita a atuação do vencedor no concerto de gala previsto para o próximo sábado, também na Fundação e com transmissão em direto pela Antena 2.

Ao galardão, atribuído pela viúva do maestro, Teresa Costa Macedo, 86 anos, que preside ao júri, concorrem o fagotista Virgílio Oliveira, o trompetista João Moreira, a soprano Marina Pacheco e o violetista Ricardo Gaspar.

Constituem o júri, além de Teresa Macedo, os maestros Jean Sebastien Bérau, vice-presidente do Prémio Jovens Músicos, e Martin André, do Teatro S. Carlos, o diretor do Prémio, o compositor Luís Tinoco, e ainda Miguel Sobral Cid da FCG e Rui Pereira da Casa da Música, no Porto. A Orquestra Gulbenkian tem também direito a um voto.

O Prémio Jovens Músicos existe há 26 anos, sendo o único prémio em Portugal que distingue novos talentos musicais.

Além dos solistas do Grande Prémio, que venceram nas respetivas categorias no nível superior, ficaram também, em 1º lugar, o Ensemble Heptachordum, em Música Barroca, Pedro Fonseca, em Saxofone (nível médio), Patrícia Durães, em Violino (nível médio), e o Cavatine Duo, em Música de Câmara (nível superior).

Antes da Grande Final, no Auditório 2 da FCG, pelas 16:00, realiza-se a entrega formal dos prémios e é apresentado o CD comemorativo do 25º aniversário do Prémio Jovens Músicos, que se celebrou ao no passado.

O CD é constituído pelo Concerto de Gala de 2011 com a Orquestra Gulbenkian dirigida por Pedro Neves, e inclui, entre outros, o Concerto para Violino e Orquestra em Ré Maior, Opus 35, de Piotr Tchaikovski, em que é solista Tamila Kharambura, vencedora do Prémio Maestro Silva Pereira do ano passado.

Às 17:30, no Auditório 2, Luís Tinoco modera um debate sobre “Jovens Compositores”, que conta com a participação de Ângela Ponte, Nuno da Rocha, Vasco Mendonça e Igor C. Silva.

A fechar a noite, pelas 21:30, no Grande Auditório da FCG, atua a Orquestra de Câmara Portuguesa, dirigida por Pedro Carneiro, e antigos laureados do Prémio, nomeadamente o violinista Vítor Vieira e o violetista Hugo Diogo. O concerto será transmitido em direto pela Antena 2 e pela RTP 2.

Na sexta-feira, o musicólogo Rui Vieira Nery modera o debate “Música Antiga - Novos Intérpretes”, com a participação de Marcos Magalhães e Massimo Mazzeo.

Também na sexta-feira, às 19:00, no Grande Auditório da FCG, atua o Cavatibe Duo, constituído pelo violoncelista Miguel Fernandes e pela pianista Teresa Doutor.

Os vencedores de Música Barroca e a orquestra Divino Sospiro tocam às 21:00 no Grande Auditório, em que se apresentará, em estreia absoluta, "O que será do rio without John Cage", de Nuno da Rocha, compositor premiado no concurso da Sociedade Portuguesa de Autores/Antena 2.

O debate de sábado será sobre “Património e arquivos musicais”, com a participação de Salwa Castelo-Branco, Conceição Correia e José Jorge Letria. Às 19:00 realiza-se o Concerto de Gala, no Grande Auditório, com a Orquestra Gulbenkian dirigida por Joana Carneiro e com transmissão em direto pela RTP2 e Antena 2.

Neste concerto será estreada a peça "Erasing Mahler", de Sérgio Azevedo.

O Festival encerra este sábado com um concerto pela Orquestra de Jazz de Matosinhos, dirigida alternadamente por Pedro Guedes e Carlos Azevedo no Grande Auditório, às 21:30, e um “Concerto para Tenores”, com Desidério Lázaro, Fernando Sánchez e José Pedro Coelho, que interpretarão "Crepúsculo", de Carlos Azevedo, e "Y", de Pedro Guedes.

@SAPO com Lusa.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.