O espetáculo, agendado para o dia 12 de abril, terá lugar na Alfândega do Porto.

Um dia antes, José Cid apresenta o disco de rock sinfónico, editado em 1978, na Aula Magna, em Lisboa.

Note-se que este disco tem valido a José Cid o reconhecimento internacional, sendo considerado pela crítica uma verdadeira obra-prima, com a publicação americana “Billboard” a incluí-lo na lista dos 100 Melhores Álbuns de Rock Progressivo de todos os tempos.

Nas duas datas, o cantor irá, também, interpretar alguns temas do seu próximo álbum de rock sinfónico, "Vozes do Além", e um tema do seu registo "Onde, Quando, Como, Porquê Cantamos Pessoas Vivas”.

Recorde o alinhamento de"10.000 Anos Depois Entre Vénus e Marte":

O Último Dia na Terra (José Cid)
O Caos (Manuel Lamas / Mike Sergeant)
Fuga Para o Espaço (José Cid)
Mellotron, o Planeta Fantástico (José Cid)
10.000 Anos Depois Entre Vénus e Marte (José Cid - Zé Nabo)
A Partir do Zero (Ramon Galarza - José Cid)
Memos (José Cid)

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.