Os American Music Awards foram entregues na noite desta terça-feira, dia 10 de outubro, no Microsoft Theater, em Los Angeles. Taylor Swift foi uma das grandes vencedoras da cerimónia, levando para casa quatro troféus - Digressão do Ano; Melhor Álbum Pop/ Rock; Melhor Artista Feminina Pop/ Rock; e Artista do Ano.

Com os galardões arrecadados na edição deste ano dos AMA, Taylor Swift entrou para a história dos prémios, tornando-se na artista mais premiada de sempre, com 23 vitórias. Até à noite desta terça-feira, o recorde pertencia a Whitney Houston.

Camila Cabello também conquistou quatro American Music Awards, incluindo o de Melhor Nova Artista do Ano. O primeiro single a solo da cantora, "Havana", garantiu a vitória nas categorias de Melhor Colaboração, Melhor Vídeo e Melhor Canção Pop/ Rock.

Numa noite em que o girl power esteve em destaque, Cardi B também saiu feliz da cerimónia, ao vencer em três categorias, levando para a casa o prémio de Melhor Artista Rap/ Hip-Hop.

A banda de K-pop BTS também foi um dos destaques da noite, ao vencer o AMA para Melhor Artista Social. Já Shawn Mendes levou para casa o galardão de Melhor Artista.

As atuações da noite

Taylor Swift foi uma das vencedoras da noite e a sua atuação no palco dos AMAs também foi uma das mais elogiadas.

Mariah Carey também não faltou à cerimónia e apresentou o seu novo single, "With You. Mimi".

Shawn Mendes, ao lado de Zedd apresentou o tema "Lost in Japan".

Camila Cabello também subiu ao palco dos AMAs.

Uma das atuações da noite ficou a cargo dos Panic! At The Disco. A banda trouxe até ao palco dos AMAs o tema "Bohemian Rhapsody", dos Queen.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.