O projeto, intitulado Música Radical Europeia e sua Natureza Intercultural (REMAIIN, na sigla em inglês), envolve também estruturas da Letónia, Bélgica e Alemanha e pretende investigar “as influências culturais não-europeias na música experimental, ‘avant-garde’ e inovadora do presente do passado”.

“As atividades primárias do projeto são concertos, exposições e performances, a par de atividades discursivas que dissecam o trabalho apresentado no contexto do tema abordado”, pode ler-se na página do projeto, que é cofinanciado pelo programa Europa Criativa.

O projeto tem abertas candidaturas, até dia 15 de abril, para “propostas musicais que lidem ou incorporem influências não-ocidentais em música experimental”.

Os trabalhos selecionados vão ser apresentados, pelo menos uma vez, nos quatro países das entidades organizadoras.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.