O intérprete que dá vida ao Capitão América nos filmes da Marvel, Chris Evans, tem sido uma das estrelas mais críticas da atuação do actual Presidente dos EUA.

Quando Donald Trump escreveu um tweet referente ao grupo de conselheiros da Casa Branca, designando-o de “White House Councel”, em vez de “White House Counsel”, um erro ortográfico que tem sido recorrente, Evans foi rápido a encontrar uma resposta para o sucedido.

Num tweet partilhado logo de seguida, o ator respondeu: “É ‘counsel’, Biff. A palavra é ‘counsel’. Estava a tentar compreender como é que é possível que um homem, mesmo tão idiota como tu, possa escrever erradamente uma palavra que lê provavelmente 50 vezes por dia. Mas depois apercebi-me que tu provavelmente só OUVES a palavra. Tu nunca lês nada. E nós todos sabemos isso.”    

Evans tem usado o nome de Biff nas redes sociais para designar Donald Trump, em referência a “Regresso ao Futuro 2”, cujo vilão, Biff Tannen, se torna presidente dos EUA num futuro alternativo, numa referência clara, e afinal profética, a Donald Trump.

Por exemplo, a 24 de julho, Trump tinha partilhado o seguinte tweet: “Estou muito preocupado que a Rússia esteja a lutar muito para ter um impacto nas próximas eleições. Pelo facto de nenhum Presidente ter sido tão duro com a Russia como eu, eles irão interceder pelos Democratas. De certeza que não querem Trump!”, ao que Evans respondeu imediatamente “Nem nós. E isto pode ser a coisa mais divertida que alguma vez escreveste, Biff”.

Em março deste ano, Trump partilhou um tweet sobre a investigação do conselheiro Robert Mueller à interferência russa nas eleições de 2016 nos EUA, que tinha vários erros ortográficos e gramaticais. O Presidente acabou por apagar o tweet, mas quando o reescreveu, a palavra “counsel” continuou a aparecer escrita de forma incorreta, o que aumentou ainda mais o ruído na redes sociais em relação ao erro recorrente do dirigente americano.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.