Batida vai integrar o elenco da festa que celebra os seis anos de vida do Village Underground, este ano num formato diferente.

"No sábado, dia 9 de Maio, vamos pedir ao público que fique em casa, que vista roupa confortável, que calce os seus melhores sapatos de dança, que encontre um lugar com espaço na casa e a melhor forma de assistir a um broadcast, que teste e confirme o som das colunas e se prepare para disfrutar de sete horas de performances artísticas de música, dança, teatro e street art. Uma emissão onde não faltará a dica para fazer o cocktail e o snack mais apropriado para cada momento, retratando ao máximo aquilo que é o espirito Village Underground", explica a organização.

O artista-residente Batida, que há três anos instalou o seu contentor-azul e candongueiro na "Vila", vai atuar às 19h00, um momento a que chama "Batida apresenta: Fake Staff".

"Todos os artistas e as suas equipas concordaram em receber pelo seu trabalho através de doações que o público fará ao longo da transmissão. O VU e toda a equipa envolvida no projecto será paga da mesma forma. A partilha de receitas das doações será feita 50% / 50% entre artistas e VU", explicam em comunicado.

Já esta sexta-feira, dia 1 de maio, Batida vai disponibilizar um tema inédito no Bandcamp. A plataforma vai volta a oferecer integralmente a sua receita de vendas, durante todo o dia, aos artistas.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.