Sana Takeda levou para casa o galardão numa das principais categorias (Melhor Novo Álbum) com a obra “The Night Eaters, Book 1: She Eats the Night”, em colaboração com Marjorie Liu, que lhe valeu também o prémio de Melhor Pintor/Artista Multimédia.

Outro dos vencedores da noite foi “Finding Batman” (de Kevin Conroy e J. Bone), título premiado na categoria de Melhor Argumento.

Na edição deste ano, estava nomeada uma artista portuguesa, Diana Sousa, indicada na categoria de Melhor Colorista. O prémio foi, no entanto, atribuído a Jordie Bellaire, com a obra “The Nice House on the Lake, Suicide Squad: Blaze (DC); Antman, Miracleman by Gaiman & Buckingham: The Silver Age”.

A artista e ‘designer’ gráfica portuguesa residente em Braga estava nomeada por conta do trabalho desenvolvido em duas séries de fantasia, editadas pela Dark Horse Comics, intituladas “Critical Role: Vox Machina Origins”, relacionadas com o universo do jogo de tabuleiro “Dungeons & Dragons” e “The Mighty Nein Origins”.

Os vencedores dos prémios Eisner - batizados com o nome do autor e editor norte-americano de BD Will Eisner, que morreu em 2005 - foram anunciados esta madrugada no âmbito da convenção de cultura e entretenimento Comic Con, de San Diego, Califórnia.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.