Jason Momoa confirmou a notícia do tablóide britânico The Sun de que testou positivo à COVID-19 logo à seguir a cumprir o compromisso de estar presente no lançamento de "Dune - Duna" na Inglaterra.

"Fui apanhado com COVID logo a seguir à antestreia. Conheci imensas pessoas na Inglaterra e portanto recebi muitos 'aloha' das pessoas", disse o ator de origem havaiana nas Stories na sua conta no Instagram.

"E quem sabe? Seja como for, estou bem. Obrigado por todas as vossas preocupações e amor. E, sim, estou apenas a acampar na minha casa", acrescentou, revelando imagens com amigos.

Segundo o The Sun, o ator estava em isolamento após saber o resultado, conhecido no âmbito dos testes regulares ao elenco e equipa de "Aquaman and the Lost Kingdom", em rodagem em Hertfordshire, na Inglaterra.

O tablóide britânica acrescentava que a novidade tinha causado a consternação e caos na rodagem.

"Felizmente, o Jason está bem e agora em isolamento após ter recebido o teste positivo. Mas é realmente uma dor de cabeça para os patrões do filme, que agora estão preocupados por ter de adiar a sua apertada agenda de filmagem", explicou a fonte ao The Sun.

A esperança, acrescentou, é que este seja um caso isolado e se consiga trabalhar à volta do ator e continuar a rodagem.

Além de Jason Momoa como o rei de Atlântida e Amber Heard como a guerreira Mera, regressam Patrick Wilson e Yahya Abdul-Mateen II.

Pilou Asbaek, o ator dinamarquês conhecido pelas séries "Borgen" e "A Guerra dos Tronos", Idya Moore ("Pose") e Vincent Regan ("Wallander") também fazem parte do elenco, tal como a portuguesa Jani Zhao, como Stingray, personagem criada para para o filme.

"Aquaman and the Lost Kingdom" deverá chegar estrear no natal de 2022.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.