Antes de partilhar com o mundo os temas do seu álbum de estreia, Marta Carvalho abriu as portas do seu estúdio a um pequeno grupo de fãs. No showcase, a jovem cantora apresentou os seus primeiros singles ("Chama" e "Deslizes"), revelou um tema inédito e cantou algumas versões de temas, como "Tudo O Que Eu Te Dou", de Pedro Abrunhosa.

"Fiquei muito excitada com a ideia deste showcase. Achei que era muito bom poder ter esta proximidade com as pessoas que gostam  de mim. Uma coisa é ver vídeos, é ter gostos... é muito mais especial assim", confessou em conversa com o SAPO Mag. "Há pessoas que sentem que a minha música as está a ajudar e isso, para mim, é ótimo", acrescentou.

"Sempre escrevi canções para mim, mas houve uma fase em que estava mais focada em compor para outras pessoas para conseguir entrar na indústria, conhecer mais pessoas, aprender, melhorar a minha capacidade de escrita e encontrar-me sonoramente. Levou o seu tempo. Mas continuo a escrever para outras pessoas, mas agora foco-me mais na minha parte artística enquanto interprete", contou ao SAPO Mag.

No showcase, a artista revelou que primeiro descobriu que era cantora e que só depois se aventurou na composição. "Na composição, foi após o 'The Voice Portugal' e tinha acabado de sair da faculdade. Pedi aos meus pais um ano e se correr mal, eu volto. Nesse ano, comecei a escrever muito... nunca tinha escrito até essa altura, era só intérprete", relembra.

"Vem um álbum este ano, estamos a preparar os próximos temas. Estou muito contente porque estou a marcar o meu posicionamento na área do R&B e Pop e era o que eu queria muito fazer. Estou muito contente", contou, acrescentando que tem várias inspirações, "do old school ao atual".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.