A escritora da Polónia faz parte de uma lista com autores oriundos também de Canadá, França, Índia, Irão, Irlanda, Reino Unido e Estados Unidos, dos quais oito são mulheres, com a tradução da obra original para inglês, sob o título “Drive Your Plow Over the Bones of the Dead".

O livro finalista, publicado em Portugal pela chancela Cavalo de Ferro, em 2019, é uma novela policial que conta a história de uma excêntrica professora reformada que vê a pacatez dos seus dias abalada quando começam a aparecer mortos vários membros do clube de caça da remota aldeia polaca onde vive.

A ‘lista curta’ do prémio que distingue obras escritas em inglês ou traduzidas para aquela língua deixou de fora o escritor angolano Ondjaki e os brasileiros Julián Fuks e Chico Buarque, que estavam entre os 90 autores da primeira lista de nomeados.

"Transparent City", versão inglesa de "Os Transparentes", de Ondjaki, "Resistance", versão inglesa de "A Resistência", de Julián Fuks e "My German Brother", versão inglesa de "O Irmão Alemão", de Chico Buarque, eram os títulos candidatos de autores de língua portuguesa.

A britânica Pat Parker (“The Silence of the Girls”), a irlandesa Anna Burns (“Milkman”), a franco-iraniana Négar Djavadi (“Disoriental”), a canadiana Esi Edugyan (“Washington Black”), a norte-americana Tayari Jones (“An American Marriage”), o francês Édouard Louis (“History of Violence”), a norte-americana Sigrid Nunez (“The Friend”), o nativo americano Tommy Orange (“There There”) e a indiana Anuradha Roy (“All the Lives We Never Lived”) são os restantes finalistas do prémio literário de Dublin deste ano.

O Prémio Literário de Dublin é organizado pela autarquia da capital da Irlanda e gerido pelas bibliotecas públicas da cidade, com um valor monetário de 100 mil euros, a serem entregues na totalidade ao autor da obra vencedora, se esta for escrita em inglês, ou, no caso de tradução, a dividir entre escritor e tradutor, no valores de 75 mil euros e 25 mil euros, respetivamente.

Os dez finalistas de 2020 foram escolhidos por bibliotecas públicas de Canadá, França, Grécia, Irlanda, Jamaica, Nova Zelândia, Polónia, Reino Unido e Estados Unidos.

O vencedor do Prémio Literário Internacional de Dublin 2020 será anunciado em 22 de outubro, durante o Festival Internacional Literário de Dublin.

O escritor angolano José Eduardo Agualusa foi distinguido com este prémio, em 2017, pela tradução inglesa do romance "Teoria Geral do Esquecimento".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.